Por trás do pano – Rapidinhas teatrais


Por Miguel Arcanjo Prado

Para dar aquela risada
Olha aí, na foto acima, o galã Marco Pigossi, ao lado da colega de elenco Glaucia Rodrigues, fazendo pose para Guga Melgar. A comédia ácida O Olho Azul da Falecida, da Cia. Limite 151, estreia nesta sexta (9), às 21h30, no Teatro Geo, em São Paulo. O autor da peça, o inglês Joe Orton, morreu assassinado pelo namorado aos 26 anos. Ai, que medo.

Raimunda Raimunda
Regina Duarte (foto) estava preocupadíssima, morrendo de medo de não lotar o enorme Teatro Raul Cortez, em São Paulo, com sua peça Raimunda Raimunda. Mas ela é tão querida e fofa, que os ingressos estão vendendo bem. E olha que a obra, que ela também dirige, é bem complicada…

Como uma menina
Regina anda gostando tanto de atuar com seu elenco jovem que ela é quem mais sobressai na peça.

Confusão na praça 1
Um professor foi preso pela Guarda Civil Municipal de São Paulo por fumar um cigarrinho de maconha em frente ao Parlapatões, na praça Roosevelt, durante as Satyrianas.

Confusão na praça 2

Houve agressão de um agente a uma moça que tentou defender o rapaz da detenção. A coluna viu.

Confusão na praça 3
Nada contra a obsessão da GCM em defender a Lei durante as Satyrianas. O problema é que tal ímpeto não os move diante das centenas de usuários de crack que usam a droguinha diariamente em variados pontos do centro paulistano. Prender artista e professor, que pagam seus impostos em dia, deve ser mais fácil…

Cadê o povo?
A gente de teatro adora reclamar que não tem espaço. Mas na hora de discutir a relação do fazer artístico com a cidade, nas Satyrianas, no evento Chá Cultural, quase ninguém apareceu. Se tivesse cerveja, aposto que enchia…

Phedra de Córdoba - Foto: Eduardo Enomoto

O desejo de Phedra
Empolgada com a repercussão de seu show nas Satyrianas, a atriz cubana Phedra de Córdoba quer porque quer remontar seu espetáculo Stranger. Ela manda avisar que está atrás de um produtor. Recado dado.

Romance gay
Acontece no Centro Cultural São Paulo neste fim de semana o 5º Dramática em Cena, que faz parte do festival Mix Brasil. Entre os espetáculos em cartaz está Inferno na Paisagem Belga, a nova produção do grupo Os Satyros, com a história de amor entre Verlaine e Rimbaud. Sexta e sábado, 21h; domingo, às 20h. A entrada é grátis e os ingressos são distribuídos uma hora antes, na bilheteria do CCSP. Vai ter fila, com certeza.

Inconfidência
Bob Wilson, o célebre encenador norte-americano que dá o ar de sua graça em São Paulo, perdeu um namorado, nos anos 1970, para o escritor Edmund White. A história é contada em tórridos detalhes no livro City Boy, escrito por White, claro.

Falando nele…
Robert Wilson assina a versão de Macbeth que será apresentada no Teatro Municipal de São Paulo nos dias 23, 25, 27 e 29 de novembro. Os ingressos vão de R$ 40 a R$ 100. Vai ser disputadíssimo conseguir um.

Gente de teatro
Olhaí, minha gente, ao lado, a Eliane Verbena, amiga da coluna e dona da Verbena Comunicação, que faz a assessoria para peças tarimbadas da cena paulistana. Sempre paciente, Eliane está sempre a postos para artistas e jornalistas. Além de batalhar um bocado nos bastidores, ela adora acompanhar de perto a cena cultural da cidade. É só ir a um bom show que ela vai estar por lá. O que faz muito bem.

Musical infantil
O Grupo Artemis de Teatro celebra seus dez anos de vida com a premiada peça Uma Luz Cor de Luar, no Teatro Bibi Ferreira, todo sábado e domingo, às 15h. O ingresso é baratinho: só R$ 10. Eles convidam todo mundo!

Velho na praça
Antunes Filho faz palestra para aprendizes da SP Escola de Teatro, na praça Roosevetl, na manhã deste sábado (10).  Além dele, comporão a mesa Ernani Maletta, Martin Eikmeier e Raul Teixeira, todos grandes nomes do nosso teatro. Vão discutir “dramaturgia sonora e sonoplastia”.

Realce!
O espetáculo de dança Mapa Movediço utiliza 200 quilos de lantejoula no palco, como mostra a foto tirada por Inês Correa, abaixo. Será apresentado neste sábado (10) e domingo (11), no Sesc Santana, em São Paulo. A Cia. Ana Catarina e Ângelo Madureira traz seis bailarinos no palco – os dois coreógrafos também fazem parte. Depois, o espetáculo segue para o Teatro Cacilda Becker, na Lapa, entre os dias 15 e 18 de novembro, com entrada gratuita. Coisa boa para o próximo feriadão.

Leia também:

Fique por dentro do que rola no mundo teatral

Descubra tudo o que as misses aprontam

Tudo que você quer ler está em um só lugar. Veja só!

Você pode gostar...

1 Resultado

  1. Larissa Isabelly disse:

    Nossa, Uma Luz Cor de Luar é lindo!! Vale muito a pena. Poderia falar mais do espetáculo, é fantástico.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *