Musas do futebol disputam o palco em peça de estilista reluzente no Festival de Curitiba

Musas do futebol posam pouco antes de subir ao palco no Festival de Curitiba – Foto: Daniel Isolani/Clix

Por Miguel Arcanjo Prado*
Enviado especial do R7 ao Festival de Curitiba
Fotos de Daniel Isolani/Clix

O estilista curitibano Edson Eddel resolveu causar neste Festival de Teatro de Curitiba. Tanto que criou “com muito carinho” o espetáculo Eddy – Do Lixo ao Luxo.

O estilista Edson Eddel exibe seu figurino reciclado-reluzente – Foto: Daniel Isolani/Clix

Protagonista da obra de comédia, ele surge no palco vestido com uma roupa criada a partir de anéis metálicos de latinhas de refrigerante e cerveja, claro que com um toque básico de luz LED, o que o faz ofuscar qualquer um ao seu lado.

Mais do que uma peça de teatro, a obra do moço trata-se de uma festança na qual as roupas do costureiro são apresentadas ao público.

E por falar em plateia, espectador não lhe faltou. Sobretudo as mães das modelos que desfilaram no palco.

Mas para os críticos de teatro de plantão, ele explica que a peça tem um enredo, sim: a história do jovem estilista Eddy, cujo sucesso é atributo do dinheiro de sua mãe. Entendido?

Mas o que mais chamou a atenção do público não foi a história e sim as roupas do estilista que adora misturar peças tradicionais com outras feitas a partir de materiais garimpados na reciclagem. Sobretudo os vestidos de festa que homenagearam os principais times de futebol do Paraná, de São Paulo e do Rio.

Tudo em nome de uma mensagem ecológica.

– Faço estas roupas para mostrar que é possível fazer luxo sem ser desprezível. E é claro que estas roupas de times chamam a atenção.

Ao fim da peça, Edson, empolgadíssimo, deu a definição sobre sua primeira participação no Festival de Teatro de Curitiba.

– A gente fez um espetáculo bonito sem vulgaridade!

Que bom, né, gente?

O prateado Edson Eddel posa com as amigas: à esq., Maitê Schneider; à dir., duas modelos do estilista – Foto: Daniel Isolani/Clix

*O jornalista Miguel Arcanjo Prado viajou a convite do Festival de Curitiba.

Curta nossa página no Facebook!

Veja a cobertura completa do R7 do Festival de Curitiba

Leia também:

Fique por dentro do que rola no mundo teatral

Descubra tudo o que as misses aprontam

Tudo que você quer ler está em um só lugar. Veja só!

Você pode gostar...

5 Resultados

  1. Ana Flávia disse:

    Um mais lindo que outro!! Fui conferir de pertinho!! Foi espetacular!!

  2. Felipe disse:

    Com certeza aplaudiria de pé essa peça porque se trata de algo criativo. A proposta ecológica é maravilhosa e bem antenada com os tempos atuais. E realmente acredito na frase do estilista: “A gente fez um espetáculo bonito sem vulgaridade!”. Cito o próprio “post” que usou o termo “empolgadíssimo” ao qualificar como estava o estilista. Imagino, pois se percebe o quanto de amor ele certamente depositou na criação. Desejo sinceramente que ele tenha boa sorte em todos os seus projetos! Ele parece ser, de fora, uma pessoa reluzente, principalmente em seu aspecto espiritual.

  3. Felipe disse:

    Apenas corrigindo: onde se lê “de fora”, leia-se “de longe”. Utilizei “de fora” no sentido de que estou “de fora” do festival, porém achei que meu texto ficou truncado apenas nessa parte. Então, para evitar dubiedades, preferi fazer a correção. Até porque reitero minha admiração pela ideia do estilista.

  4. Isabelly Cristine disse:

    Edson Eddel inovando cada dia mais..sou fã deste estlista nota mil, nós Curitibanos estamos de parabéns..o Brasil agradece por tanto talento..parabéns mesmo..arrasou

  5. Felipe disse:

    Pelo visto, esse “post” é o campeão recente de comentários. Parabéns ao estilista! Ele merece esse carinho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *