Ator vive menino que vê desenterro de cadáveres

Herbert Silva está no elenco da peça Nekrópolis, que tem entrada franca em SP – Foto: Miguel Arcanjo Prado

Por Miguel Arcanjo Prado

Mesmo com 24 anos, o ator paulistano Herbert Silva ainda tem cara de menino. E vai se aproveitar disso para encarar um personagem forte no teatro, na peça Nekrópolis, que estreia nesta quinta (9) em São Paulo, com direção de Juliana Galdino e que fica em cartaz até o fim de junho, às quintas e sextas, às 21h, com entrada gratuita no Club Noir.

Herbert Silva vai interpretar na peça um garoto vê desenterro de cadáveres – Foto: Miguel Arcanjo Prado

Ele viverá um garoto de dez anos que vê uma gangue desenterrar cadáveres e os expõe no parquinho onde costuma brincar. “É uma criança viciada em videogames violentos”, revela o ator, que acredita que “a peça faz uma crítica ao descaso público”.

Herbert, que já fez as peças Hi-5 e Bicha Oca, esta última fazendo par com Rodolfo Lima em cena, entrou no elenco após fazer um curso com a diretora.

Diz que aprendeu muito. Até porque cada integrante do elenco tinha um estilo próprio e todos precisaram ser moldados ao modo de fazer teatro do Club Noir.

— Eu gosto muito da direção da Juliana Galdino, porque eu me identifico com essa visão do teatro que quebra o realismo. Ela é rígida e exige muito do ator. Então, é uma troca constante entre ator e diretor.

Nekrópólis
Quando: Quinta e sexta, 21h. Até o fim de junho de 2013
Onde: Club Noir (r. Augusta, 331, Consolação, São Paulo, tel. 0/xx/11 3257-8129)
Quanto: Grátis (ingressos distribuídos uma hora antes)
Classificação etária: 18 anos

Curta nossa página no Facebook!

Leia também:

Fique por dentro do que rola no mundo teatral

Descubra tudo o que as misses aprontam

Tudo que você quer ler está em um só lugar. Veja só!

Você pode gostar...

1 Resultado

  1. Felipe disse:

    Boa sorte para ele!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *