Atriz mineira Kelly Crifer vive ano efervescente

A atriz Kelly Crifer vive um 2013 de muito trabalho – Foto: Valeska Russo

Por Miguel Arcanjo Prado

A atriz mineira Kelly Crifer não para. Vive um 2013 de muito trabalho, do jeito que todo artista gosta.

Ela começou o ano bem, trabalhando no Festival de Curitiba e na 8ª Mostra Latino-Americana de Teatro de Grupo, em São Paulo, com a peça Os Ancestrais. A montagem, do Teatro Invertido, de Belo Horizonte, teve direção e dramaturgia de ninguém menos do que Grace Passô, a estrela do novo teatro mineiro.

E Kelly, que é formada em artes cênicas pela Universidade Federal de Minas Gerais, segue em ritmo frenético.

Ela ainda encontra tempo para acompanhar a trajetória do filme Contagem pelos festivais Brasil afora. O que faz muito bem, já que o curta-metragem de Gabriel Martins e Maurílio Martins lhe rendeu Prêmio Sesc-Sated-MG de melhor atriz.

Além disso, Kelly precisou fazer uma alteração de última hora no visual.

Deixou os cabelos vermelhos de Os Ancestrais, e voltou com o tom castanho original para a volta da peça Proibido Retornar, sucesso de sua trupe no qual interpreta a personagem Rosa. E ainda tem nova peça e novo filme em gestação…

Vai longe.

 

Kelly Crifer, em cena do filme Contagem: rodando o Brasil – Foto: Robert Frank

 

Curta nossa página no Facebook!

Leia também:

Fique por dentro do que rola no mundo teatral

Descubra tudo o que as misses aprontam

Tudo que você quer ler está em um só lugar. Veja só!

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *