Comedians Club aposta na diversidade em 2014

Comedians Comedy Club na rua Augusta, em São Paulo: novo e velho humor – Foto: Divulgação

Por MIGUEL ARCANJO PRADO

O principal point da nova comédia stand-up em São Paulo vai abrir espaço para a velha geração em seu palco neste ano.

Juca Chaves: temporada no Comedians – Foto: Divulgação

Juca Chaves é um dos nomes de 2014 da programação do Comedians Comedy Club, a casa noturna de humor dos comediantes Danilo Gentili e Rafinha Bastos em sociedade com o empresário Ítalo Gusso.

O endereço é rua Augusta, 1.129, no bairro Cerqueira César (tel. 0/xx/11 2615-1129).

Chaves abre a nova noite da casa, a Temporada de Solos, que acontecerá sempre às quintas-feiras. Ele vai apresentar seu show Finalmente em Pé… Quase! até 27 de fevereiro.

A nova temporada de atrações começa nesta terça (14), com Rodrigo Capella e Marcelo Marrom na Comédia em Preto e Branco, que faz piadas politicamente incorretas com questões étnicas.

Às quartas, a casa cederá espaço para a Noite de Improviso, que contará com Márcio Ballas, Marcão Gonçalves, Gui Tomé e um improvisador convidado.

Já de sexta a domingo, quatro humoristas convidados se revezam no palco para divertir o público com seus números de stand-up.

Inaugurado em outubro de4 2010, o Comedians Comedy Club já recebeu público superior a 600 mil pessoas desde então.

O couvert artístico cobrado é de R$ 35 e só maiores de 18 anos podem entrar.

Curta nossa página no Facebook!

Leia também:

Fique por dentro do que rola no mundo teatral

Descubra tudo o que as misses aprontam

Tudo que você quer ler está em um só lugar. Veja só!

Curta nossa página no Facebook!

Você pode gostar...

3 Resultados

  1. Felipe disse:

    Não gastaria meu dinheiro nesse clube.

  2. Fabio disse:

    Lugar fantastico, vale cada centavo!!

  3. Felipe disse:

    Prefiro investir o meu parco dinheirinho em projetos de cuidados à primeira infância. Aliás, já investi um pouquinho em um projeto implementado por Kardecistas em favor do amparo a gestantes em situação econômica desfavorável, mesmo sendo de outra religião. O importante é o respeito que se deve ter à gestação, aos nascituros, aos bebês, recém-nascidos e suas famílias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *