Morre aos 51 anos o ator e diretor Mário Pazini, famoso como Jesus na Paixão de Cristo de Taboão

O ator e diretor Mario Pazini, em seu papel mais emblemático, o de Jesus Cristo, na Paixão de Taboão da Serra, no ano de 2006: morte precoce após um ano de luta contra o câncer – Foto: Eduardo Toledo/Divulgação

Por MIGUEL ARCANJO PRADO

O diretor e ator Mário Pazini morreu nesta segunda (31), em São Paulo, aos 51 anos, vítima de câncer, doença contra a qual lutava havia um ano.

Ele nasceu em 26 de novembro de 1962. O artista ficou conhecido por interpretar o papel de Jesus na famosa encenação da Paixão de Cristo de Taboão da Serra, na Grande São Paulo. O espetáculo foi criado por seus pais antes de seu nascimento.

Segundo nota divulgada pelo Grupo Clariô de Teatro, ao qual o artista pertenceu, o corpo é velado no Cemitério da Saudade, em Taboão, onde será sepultado às 16h. O endereço é av. Laurita Ortega Mari, 831, no bairro Parque Pinheiros.

Pazini deixa três filhas e a esposa, Naruna Costa, que também é atriz.

Leia a cobertura completa do R7 no Festival de Teatro de Curitiba!

Curta nossa página no Facebook!

Leia também:

Fique por dentro do que rola no mundo teatral

Descubra tudo o que as misses aprontam

Tudo que você quer ler está em um só lugar. Veja só!

Você pode gostar...

2 Resultados

  1. Phillipe disse:

    Que descanse em paz! Acho nobre que o blog, educadamente, noticie o falecimento dos atores teatrais. É uma última homenagem e uma forma de respeitar o artista enquanto pessoa. Parabéns pela iniciativa!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *