Zé Celso impressiona gringos e prorroga temporada de Walmor y Cacilda 64 : Robogolpe no Oficina

Zé Celso em cena de Walmor y Cacilda 64 – Robogolpe – Foto: Jennifer Glass

Por MIGUEL ARCANJO PRADO

Cerca de seis diretores estrangeiros que participam do fórum sobre os 450 anos de nascimento de William Shakespeare, People’s Palace Projects, no Centro Cultural Banco do Brasil, estiveram no Teat(r)o Oficina no último domingo (11), em São Paulo.

Entre o grupo, havia o artista inglês e diretor artístico do projeto, Paul Heritage, além de um diretor indiano e até uma diretora vinda da Malásia.

Eles foram assistir à peça Walmor y Cacilda 64: o Robogolpe, a nova montagem com autoria e direção de José Celso Martinez Corrêa, o nosso Zé Celso. A peça aborda o período em que a ditadura militar foi imposta ao Brasil, bem como seus efeitos catastróficos na classe artística.

Os atores Fred Steffen e Danielle Rosa em Walmor y Cacilda 64: Robogolpe – Foto: Jennifer Glass

Copa e legendas em inglês

Os gringos foram os primeiros a se beneficiar das legendas em inglês, que foram implementadas na obra neste último fim de semana. Eles ficaram impressionados com o que viram; não só com a encenação, como também com o elenco jovem do Oficina.

O Oficina resolveu incorporar as legendas em inglês à peça para facilitar a vida dos estrangeiros que estão no Brasil por conta da Copa do Mundo. Cosmopolita, o grupo convida a todos a conhecer o trabalho. Uma dica: quem quiser aproveitar as legendas, deve sentar-se do lado direito do teatro para quem está entrando. Assim, consegue ver melhor o letreiro projetado no telão acima da banda.

Oficina na Virada

Walmor y Cacilda 64: Robogolpe vai participar da Virada Cultural no próximo sábado (17), com entrada gratuita. A sessão começa 21h, mas os ingressos começarão a ser distribuídos às 20h. A dica é chegar cedo, porque, com certeza, haverá fila.

Um detalhe curioso sobre a peça: ela tem “apenas” duas horas de duração, coisa rara no Oficina, que costuma realizar obras com mais de cinco horas.

Temporada prorrogada

Por conta da grande procura pela peça, Zé Celso resolveu prorrogar a temporada até 29 de junho, sempre aos sábados, 21h, e domingo, 19h. A classificação etária é 16 anos.

O endereço Teat(r)o Oficina fica na rua Jaceguai, 520, no Bixiga, região central de São Paulo. O ingresso custa R$ 40.

Zé Celso e a turma do Teat(r)o Oficina: ditadura militar em debate – Foto: Jennifer Glass

Curta nossa página no Facebook!

Leia também:

Fique por dentro do que rola no mundo teatral

Descubra tudo o que as misses aprontam

Tudo que você quer ler está em um só lugar. Veja só!

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *