Por trás do pano – Rapidinhas teatrais


Por MIGUEL ARCANJO PRADO

Contagem regressiva
Um charmoso reloginho nas redes sociais do Teat(r)o Oficina faz a contagem regressiva para a estreia de Cacilda!!!!! A Rainha Decapitada, ou simplesmente Cacilda 5. A primeira sessão está marcada para 19h do próximo sábado (26). A coluna vai, é claro, já que a estreia promete causar aquele rebuliço na sede do grupo, no bairro do Bixiga. Que é que vai perder? Anota aí na sua agenda: faltam oito dias.

Agenda Cultural da Record News

Sem drama
A Cia. Façamos Assim resolveu encarar um clássico da dramaturgia mundial e estreia neste sábado (19). A Comédia dos Erros, de William Shakespeare, no Teatro Eva Wilma, em São Paulo. Ficam por lá até 14 de setembro. Cristina Chicon assume a direção do elenco, que tem Danielle Spina, Débora Ribeiro, Felipe Menezes, Fernanda Möeller, Gutho Vieira, Gustavo Zanetti, Igor Di Rocha, Marcella Silveira, Maurício Ferreira, Paula Braggion e Rodrigo Mazzoni. Quante gente, né? Ufa!

O ator Felipe Ferracioli do coletivo teatral Tragédia Pop: muita provocação no palco do Mini Teatro na praça Roosevelt, a partir deste sábado (20) até o fim do ano, é o que eles juram de pés juntos – Foto: Enio Brauns

Quanto custa?
Os atrevidíssimos integrantes do Coletivo teatral Tragédia Pop estreiam novo trabalho neste sábado (20), às 20h, no Mini Teatro da praça Roosevelt. Na realidade são duas peças de 50 minutos cada: O Idioma da NavalhaMemórias Póstumas de Alonso-Bunda. Todo sábado, até o fim do ano. Provocativo, como sempre, o jovem diretor e dramaturgo Marcio Tito Pellegrini conta que a entrada é R$ 200, R$ 20 ou nada. Você escolhe.

Eduardo Figueiredo e Mauricio Machado na plateia do Teatro J. Safra – Foto: Fernando Donasi

Alegria estampada no rosto
Mauricio Machado e Eduardo Figueiredo andam rindo à toda. O motivo? Eles são os curadores e diretores artísticos do Teatro J. Safra, que abre no próximo dia 25 de julho, na Barra Funda, em São Paulo.

Gente fina, elegante e sincera
A dupla é fundadora da manhas & manias de eventos, que já fez várias produções de sucesso nos palcos paulistanos. Eles contaram para a coluna o número de assentos do novo teatro: são 633 poltronas. Na abertura, elas estarão ocupadas pelas pessoas mais interessantes de São Paulo.

A atriz e a poltrona (confortável): Nathalia Timberg vai abrir o Teatro J. Safra em SP – Foto: Divulgação

Madrinha
Para dar peso à estreia, a dupla chamou ninguém menos do que Nathalia Timberg para batizar o palco com a peça Paixão.

Vizinhos
O Teatro J. Safra vem dar peso ainda mais à tradição teatral da Barra Funda. No bairro paulistano também estão salas importantes como o Teatro do Núcleo Experimental, a Cia. São Jorge de Variedades e a Casa Livre, além do clássico Theatro São Pedro.

Encontro marcante do Rei e da Rainha do Rádio no Brasil: os cantores Cauby Peixoto e Ângela Maria prometem abalar as estruturas do Teatro J. Safra com suas vozes inesquecíveis e de fazer cair o queixo – Foto: Divulgação

Babaluuuuu!
E a programação do Teatro J. Safra já está robusta. , Gal Costa sobe ao palco em agosto. Já em setembro, a dupla Cauby Peixto e Ângela Maria promete emocionar os mais nostálgicos. Ângela promete cantar seu inesquecível hit, Babalu.

Falando nisso…
Foi um Deus nos acuda os bastidores da abertura do Theatro NET São Paulo, no Shopping Vila Olímpia. A obra não ficou pronta a tempo e a sessão para VIPs do show de Gilberto Gil, que seria realizada na última quarta (16), foi cancelada na última hora. A apresentação foi transferida para segunda (21). A temporada desta sexta (18) a domingo (20), para o público pagante, está mantida. Gil canta as músicas de seu novo disco, Gilbertos Samba, em homenagem a João Gilberto. A coluna vai.

Cena da peça Reino, a nova montagem do Grupo Gattu no Teatro do Sol, em Santana, SP – Foto: Divulgação

Sol na zona norte
Eloisa Vitz e a turma do Teatro Gattu mandam avisar que as sessões da peça Reino são grátis até o fim do mês. Tem sexta, 21h30, sábado, 21h, e domingo, 20h. No Teatro do Sol, que fica na rua Damiana da Cunha, 413, em Santana, na zona norte de São Paulo. Se eu fosse você iria.

O texto do Bob
Bob Sousa, nosso grande fotógrafo dos palcos, também é colunista no site da SP Escola de Teatro. Em pauta, sempre o teatro, é claro. Leia o que o moço anda escrevendo.

Oceano
Os meninos da Cia. Pia Fraus mandam avisar que só ficam no CCBB de São Paulo, na Sé, até 27 de julho com a peça Círculo das Baleias. Todo domingo, 11h, com entrada a R$ 10. Vai, gente!

A Cia. de Teatro Vizinho Legal faz a peça A Estática com entrada grátis em SP – Foto: Divulgação

Ondas do pensar
Tem peça de graça neste sábado (19) e domingo (20h), a partir das 16h, no Teatro Cultura Inglesa de Pinheiros, em São Paulo. Chama-se A Estática, que discute o poder do pensamento. A montagem tem no elenco jovens moradores do bairro Jaguaré que fazem parte do projeto Conexões. O coordenador, Leandro Oliva, diz que a obra “expressa o amadurecimento do grupo”. Que sirva de exemplo.

Largado no mundo
Circo e dança vão se misturar no Sesc Itaquera, em São Paulo, neste sábado (19). Às 14h começa a peça Kelvin – O Vira Lata, da Cia. MoviMente, com Leo Mologni dirigido por Helena Figueira. Em cena, um caozinho abandonado sofre um bocado na cidade grande. Tadinho.

Dan Stulbach, sentado na escada do Teatro Eva Herz, que ele dirige – Foto: Francisco Cepeda/AgNews

Sem frescura
Dan Stulbach mostrou que não tem cerimônia. O ator sentou-se na escada do Teatro Eva Herz, que ele administra, enquanto os convidados entravam para ver Rei Lear, com Juca de Oliveira, na pré-estreia para convidados, nesta quinta (17). Está mais do que certo!

A frase
Retirada da timeline da atriz Cléo De Páris: “Prefiro tomar cerveja do que tomar conta da vida dos outros”.

Curitibinhos
A criançada apaixonada por teatro em Curitiba não sai mais do Shopping Novo Batel. É que dois infantis de sucesso na cidade estão em cartaz no local. Todo sábado, às 16h, tem Se Essa Rua Fosse Minha – Espetáculo de Brincar, no Teatro João Luiz Fiani. Já no domingo, às 16h30, tem Dona Baratinha da Silva Só, no Teatro Fernanda Montenegro. Não é uma graça?

A Moça da Cidade estreia no Teatro Ipanema, no Rio, com direção de Rodrigo Pandolfo – Foto: Divulgação

Retirante
O ator Rodrigo Pandolfo estreia como diretor nesta sexta (18), no Teatro Ipanema, no Rio, com a peça A Moça da Cidade. A obra mergulha no Brasil dos anos 1940 à década de 1960, para contar as aventuras de uma moça do interior que se muda para a cidade grande, vivida pela atriz Lu Camy. A temporada carioca vai até 24 de agosto. Recado dado.

Phedra, a mineira
Fãs mineiros, preparem seu coração. Phedra D. Córdoba, a diva cubana dos Satyros, se apresenta com seu grupo neste fim de semana em Ouro Branco, interior de Minas Gerais, com a peça Não Morrerás. Promete causar impacto por lá.

A Condessa e o Bandoleiro tem sessões grátis no Parque Água Branca, em SP – Foto: Divulgação

Amor bandido
Sabe a pobre menina rica? Pois é ela mesma quem surge na peça A Condessa e o Bandoleiro. A obra conta a história de uma condessa entediada com sua vida de farturas. Ela sonha com aventuras desmedidas. É claro que um bandoleiro surgirá em seu caminho para trazer-lhe a felicidade. A peça será começa temporada neste fim de semana no Parque Água Branca, na zona oeste paulistana. Sábado, às 18h, e domingo, às 16h, até 3 de agosto com entrada gratuita. Que beleza!

Impacto profundo
O ator Ivam Cabral dublou a música Codinome Beija-Flor, de Cazuza, utilizando uma outra boca de seu corpo na sessão de Não Fornicarás do último dia 11 de julho no Espaço dos Satyros Um, na praça Roosevelt.

Tiago Martelli contracena com Betty Gofman na novela Em Família, na Globo – Foto: Divulgação

Do teatro para a TV 1
A novela Em Família, de Manoel Carlos, termina nesta sexta (18) na Globo. Em sua reta final, a trama teve a participação de um ator garimpado nos palcos de São Paulo: Tiago Martelli, como o personagem Mateus, filho de Miss Lauren, papel de Betty Gofman. Mandou bem.

Fagundes Emanuel: ele representa o teatro paulistano na novela das 19h da Globo – Foto: Miguel Arcanjo Prado

Do teatro para a TV 2
Fagundes Emanuel é outro nome do teatro paulistano na televisão. Ele, que já passou pela SP Escola de Teatro e o CPT de Antunes Filho, é o Mosca de Geração Brasil, a novela das 19h da Globo. Leia a Entrevista de Quinta com o ator.

Viva o Chico!
Os cariocas Charles Möeller e Claudio Botelho, os Reis dos Musicais,  aportam em São Paulo entre 8 de agosto e 7 de setembro. Mais especificamente no Teatro Faap. É lá que vão encenar o espetáculo Todos os Musicais de Chico Buarque em 90 Minutos, que homenageia os 70 anos de nosso grande compositor. Vamos ver no que vai dar…

Mais um
Falando em musical carioca, O Grande Circo Místico, estreia no dia 14 de agosto, no Theatro NET São Paulo, aquele onde Gil canta neste fim de semana.

Cazuza promete fazer os paulistanos morrerem de saudade do poeta dos anos 1980 – Foto: Leo Aversa

Cazuzados
O musical Cazuza – Pro Dia Nascer Feliz, que estreia nesta sexta (18), no Teatro Procópio Ferreira, em São Paulo, fará sessão VIP para imprensa e convidados na próxima segunda (21). Tem gente se matando por um convite…

Repeteco
A Cia. dos Inquietos, manda avisar que Limpe Todo o Sangue Antes que Manche o Carpete volta ao cartaz entre 22 e 31 de agosto, no Teatro Pequeno Ato, ali do ladinho do Teatro de Arena, no centro paulistano. O texto é do carioca Jô Bilac e a direção, do paulistano Eric Lenate. A temporada, curtíssima, comemora os cinco anos do grupo de Ed Moraes.

Dedo no gatilho
A nova peça da Cia. dos Inquietos já está sendo ensaiada. Chama-se Oliver e promete abalar as estruturas do teatro brasileiro. É esperar para ver.

Andança
O cantor Markinhos Moura assina a trilha sonora da peça Um Amor de Renúncia, que estreia neste domingo (20), no Teatro Paiol Cultural, no centro de São Paulo. A peça conta a saga de Madalena e sua filha, Alcione, ao longo de quatro décadas. Não vai faltar história para contar…

Markinhos Moura assina a trilha sonora da peça Um Amor de Renúncia – Foto: Divulgação

Curta nossa página no Facebook!

Leia também:

Saiba o que os atores fazem nos bastidores

Descubra tudo o que as misses aprontam

Tudo que você quer está num só lugar: veja!

Você pode gostar...

1 Resultado

  1. Phillipe disse:

    Deveriam fazer uma peça sobre a situação lamentável que está ocorrendo na Palestina.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *