Peça em SP provoca solitários e individualistas

Solidão, que nada: peça de Evill Rebouças mostra o individualismo nas cidades – Foto: Bob Sousa

Por MIGUEL ARCANJO PRADO
Fotos BOB SOUSA

Sabe aquele mundo cheio de gente individualista e sozinha?

Pois é ele mesmo o tema da peça O Desvio do Peixe no Fluxo Contínuo do Aquário, que faz temporada a partir desta terça (11), no Teatro do Incêndio (r. da Consolação, 1219, tel. 0/xx/11 2609-8561), em São Paulo. Tem sessão toda terça e quarta, 20h, até 17 de dezembro de 2014, com entrada a R$ 30.

O texto de Evill Rebouças, que também dirige a obra, fala das “relações de isolamento e aproximação entre pessoas que vivem sob o mesmo teto”.

Estão no elenco da Cia. Artehúmus de Teatro Daniel Ortega, Edu Silva, Solange Moreno, Natália Guimarães e Cristiano Sales.

Luis Rossi assina o cenário, enquanto a luz fica a cargo de Edu Silva. Já os figurinos são de Daniel Ortega.

Peça da Cia. Artehúmus de Teatro fica em cartaz até dezembro no Teatro do Incêndio – Foto: Bob Sousa

Curta a nossa página no Facebook

Leia também:

Saiba o que os atores fazem nos palcos e nos bastidores

Descubra a cultura de uma maneira leve e inteligente

Todas as notícias que você quer saber em um só lugar

Você pode gostar...

1 Resultado

  1. Phillipe disse:

    Sim, sei! Há individualistas em todos os lugares, inclusive em certas tribos que se dizem descoladas, mas só defendem aqueles que pertencem às tais tribos, enquanto rechaçam quem tem ideologia diferente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *