Marba Goicochea e Fransérgio Araújo levam Teatro Selvagem ao Peru

Marba Goicochea e Fransérgio Araújo: levando o Teatro Selvagem ao Peru – Foto: Eduardo Enomoto

Por MIGUEL ARCANJO PRADO
Fotos EDUARDO ENOMOTO

O ator e diretor mineiro Fransérgio Araújo e a diretora peruana Marba Goicochea, ambos radicados em São Paulo, se preparam para levar o Teatro Selvagem ao Peru.

Ícone do teatro peruano, Mario Alejandro, do Cuatrotablas, apoia a viagem do Teatro Selvagem a Lima – Foto: Divulgação

O grupo conta com a parceria do diretor peruano Mario Alejandro, do grupo Cuatrotablas, um dos mais importantes de Lima.

“Fransérgio Araújo é especialista em Artaud e ex-ator do famoso grupo paulista Oficina e agora pode cooperar na investigação de ator com o Cuatrotablas. Junto de Marba e de outros atores, continuará a investigação do Teatro Selvagem”, afirma Alejandro ao Atores & Bastidores do R7 diretor de Lima.

A residência do Teatro Selvagem será na Casa da Literatura Peruana, onde fazem oficina entre 2 e 5 de abril. No dia 8 de abril, apresentam o espetáculo O Mal Dito (El Mal Dicho, que foi traduzido por Marba – leia a crítica do R7), inspirado na obra do uruguaio Isidore Ducasse. Nos dias 11 e 12 fazem residência em Carapongo.

Para completar a verba necessária para a viagem, eles estão fazendo a rifa da Cesta Selvagem, com produtos e guloseimas peruanas. Cada cota custa R$ 10 (quem quiser colaborar pode escrever para o e-mail [email protected]).

Veja entrevista em vídeo com Marba e Fransérgio sobre a viagem do Teatro Selvagem ao Peru:

Marba Goicochea, em primeiro plano: tradução da peça e produção internacional – Foto: Eduardo Enomoto

Marba, que faz a produção internacional da viagem, é pura alegria: “Estou muito feliz. Para mim é muito importante poder levar o Teatro Selvagem para meu país, o Perú. Poder compartilhar com minha gente esta pesquisa, que graças a Fransérgio Araújo, sou parte”, afirma.

Fransérgio Araújo: ele quer levar o Teatro Selvagem para toda América Latina – Foto: Eduardo Enomoto

Fransérgio também comemora a viagem. E pretende ir além: “O Teatro Selvagem pretende seguir sua pesquisa por países latino-americanos. Onde reside uma cultura indígena forte que progride dentro do mundo globalizado cada vez mais carente de novas possibilidades”, conclui.

Leia a crítica da peça O Mal Dito, do Teatro Selvagem

Curta a nossa página no Facebook

Leia também:

Saiba o que os atores fazem nos palcos e nos bastidores

Descubra a cultura de uma maneira leve e inteligente

Todas as notícias que você quer saber em um só lugar

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *