Veja lista completa dos vencedores do Prêmio APCA em 2015

Prêmio APCA escolhe os melhores de 2015 nas artes - Foto: Divulgação

Prêmio APCA escolhe os melhores de 2015 nas artes – Foto: Divulgação

Em assembleia que reuniu 50 críticos no Sindicato dos Jornalistas do Estado de S. Paulo na noite da última quarta-feira, 2 de dezembro, a APCA (Associação Paulista de Críticos de Artes) escolheu os melhores de 2015 nas seguintes categorias: Arquitetura, Artes Visuais, Cinema, Literatura, Moda, Música Popular, Rádio, Teatro, Teatro Infantil e Televisão.

Como novidade, este ano há a estreia da categoria Moda, que chega para enriquecer ainda mais o panorama cultural que a entidade busca retratar.

“Os vencedores deste ano refletem a agilidade da criação artística ao longo do ano nas suas mais variadas formas”, afirma José Henrique Fabre Rolim, presidente da APCA. Segundo ele, as ausências neste ano das categorias Música Erudita e Dança são pontuais e devem servir para que as áreas retomem sua linha avaliatória junto à entidade nas próximas votações.

A cerimônia de entrega a todos os artistas contemplados neste Prêmio APCA acontecerá no primeiro quadrimestre de 2016, ano em que a entidade celebra seus 60 anos.

Segue a relação dos premiados:

Claudia Andujar na galeria que leva seu nome em Inhotim: - Foto: Divulgação

Claudia Andujar na galeria que leva seu nome em Inhotim: melhor obra de arquitetura no Brasil em 2015 – Foto: Divulgação

ARQUITETURA

Homenagem pelo conjunto da obra: Pedro Paulo de Melo Saraiva

Espaço público: Parques Sabesp, São Paulo – Levisky Arquitetos

Urbanidade: conjunto de projetos sociais em São Paulo elaborados por Boldarini Arquitetos Associados

Obra de arquitetura no exterior: Museu dos Coches, Lisboa – Paulo Mendes da Rocha, MMBB Arquitetos e Bak Gordon Arquitectos

Obra de arquitetura no Brasil: Galeria Cláudia Andujar, Inhotim –  Arquitetos Associados

Patrimônio cultural: recuperação da expografia original do Masp – Heitor Martins (presidente)/ Adriano Pedrosa (curador)

Memória: “Artigas, 100 anos”, conjunto de iniciativas coordenadas por Rosa Artigas

Votaram: Abílio Guerra,Guilherme Wisnik, Fernando Serapião, Maria Isabel Villac, Nadia Somekh, Renato Anelli e Mônica Junqueira de Camargo.

Sergio Camargo - Luz e Matéria foi a exposição de 2015 - Foto: Divulgação

Sergio Camargo – Luz e Matéria foi a exposição de 2015 – Foto: Divulgação

ARTES VISUAIS

Grande Prêmio da Crítica: Marcello Nitsche – Sesc Pompeia

Exposição Internacional: Kandinsky: Tudo Começa Num Ponto – CCBB

Exposição: Sergio Camargo – Luz e Matéria – Itaú Cultural

Retrospectiva: A Gravura de Arthur Luiz Piza – Estação Pinacoteca

Fotografia: Christian Cravo – Luz & Sombra – Museu Afro Brasil

Obra Gráfica: Palavra em Movimento – Arnaldo Antunes – Centro Cultural dos Correios

Iniciativa Cultural: Editora Cosac Naif

Votaram: Antonio Santoro Jr., Antonio Zago, Dalva Abrantes, João J. Spinelli, José Henrique Fabre Rolim, Luiz Ernesto Machado Kawall e Ricardo Nicola.

Que Horas Ela Volta levou melhor filme e melhor atriz para Regina Casé - Foto: Aline Arruda

Que Horas Ela Volta levou melhor filme e melhor atriz para Regina Casé (à esq.) – Foto: Aline Arruda

Cinema

Filme: “Que Horas ela Volta?”,de Anna Muylaert

Diretor: Guilherme Fontes, por “Chatô, Rei do Brasil”

Roteiro: Fellipe Barbosa e Karen Sztajnberg por “Casa Grande”

Ator: João Miguel, por “A Hora e a Vez de Augusto Matraga”

Atriz: Regina Casé, por “Que Horas ela Volta?”

Documentário: “Orestes”, de Rodrigo Siqueira

Fotografia: Beto Martins, por “História da Eternidade”

Votaram: Edgar Olimpio de Souza, Luiz Carlos Merten, Orlando Margarido e Walter Cezar Addeo

O Senhor Agora Vai Mudar de Corpo, de Raimundo Carrero: melhor - Foto: Divulgação

O Senhor Agora Vai Mudar de Corpo, de Raimundo Carrero: melhor romance/novela de 2015 – Foto: Divulgação

Literatura

Grande Prêmio da Crítica: “Testemunho Transiente”, Juliano Garcia Pessanha (Cosac Naify)

Romance/Novela: “O senhor agora vai mudar de corpo”, Raimundo Carrero (Record)

Ensaio/Teoria e Crítica Literária/Reportagem: “A noite do meu bem – A história e as histórias do samba-canção”, Ruy Castro (Companhia das Letras)

Infantil/Juvenil: “Antes e Depois – Um dia decisivo na vida de grandes brasileiros”, Flávio de Souza (Companhia das Letrinhas)

Poesia: “O livro das semelhanças”, Ana Martins Marques (Companhia das Letras)

Contos/Crônicas: “Jeito de matar lagartas”, Antonio Carlos Viana (Companhia das Letras)

Tradução: Paisagens humanas do meu país”, Nâzim Hikmet – Tradução de Marco Syrayama de Pinto (Editora 34)

Biografia/Autobiografia/Memória: Empate: “Elis Regina – Nada será como antes”, Júlio Maria (Master Books) e “Júlio Mesquita e seu tempo”, Volume I, II, III e IV, Jorge Caldeira (Editora Mameluco)

Votaram: Amilton Pinheiro, Felipe Franco Munhoz, Gabriel Kwak e Ubiratan Brasil 

Vitorino Campos é o estilista de 2015 - Foto: Divulgação

Vitorino Campos é o estilista de 2015 – Foto: Divulgação

Moda

Coleção: Alexandre Herchcovitch (Inverno 16)

Estilista Do Ano: Vitorino Campos

Revelação em Moda: Luiz Cláudio Silva (Marca Apartamento 03)

Profissional de Beleza: Henrique Martins

Stylist: Daniel Ueda

Fotógrafo: Zee Nunes

Prêmio Especial da Crítica: Paulo Borges

Votaram: Camila Yahn, Erika Palomino, Pedro Diniz, Renata Bonvino e Vivian Whiteman

Emicida é o artista do ano - Foto: Bob Sousa

Emicida é o artista do ano de 2015 – Foto: Bob Sousa


Música Popular

Grande Prêmio da Crítica: André Midani

Artista do Ano: Emicida

Álbum: “A Mulher do Fim do Mundo”, Elza Soares

Show: O Terno & Boogarins (Auditório Ibirapuera)

Revelação: Ava Rocha (pelo álbum “Ava Patrya Yndia Yracema”)

Produção e Direção Artística: Kassin, Marcus Preto e Moreno Veloso por “Estratosférica”, de Gal Costa

Projeto Especial – Festival In-Edit de Documentários Musicais

Votaram: Alexandre Matias, Fabio Siqueira, José Norberto Flesch, Marcelo Costa e Tellé Cardim

Ricardo Boechat ganhou prêmio especial do júri em rádio - Foto: Divulgação

Ricardo Boechat, da Bandnews, ganhou prêmio especial do júri em rádio – Foto: Divulgação

Rádio

Prêmio Especial do Juri: Ricardo Boechat – Bandnews

Variedades – Programa Morning Show – Jovem Pan

Musical: Programa Alquimia – Rádio USP

Humor: Programa Do Balaco Baco Dois Ponto Zé – 89 FM

Cultura Geral: Cultura Agora – Rádio Cultura Brasil

Destaque do Ano: Programa Back to Black – Eldorado FM

Colunista – Mônica Bergamo – Bandnews FM

Votaram: Fernanda Teixeira, Silvio di Nardo, Marco Antonio Ribeiro e Fausto Silva Neto.

Maria Luísa Mendonça em cena da peça Um Bonde Chamado Desejo: melhor atriz de 2015  - Foto: João Caldas

Maria Luísa Mendonça em cena da peça Um Bonde Chamado Desejo: melhor atriz de 2015 – Foto: João Caldas

Teatro

Grande Prêmio da Crítica: Mariangela Alves de Lima

Espetáculo: Aqui Estamos Com Milhares de Cães Vindos do Mar

Diretor: Zé Henrique de Paula (Urinal)

Autor/Dramaturgia: Silvia Gomez (Mantenha Fora do Alcance do Bebê)

Ator: Gustavo Gasparani (Ricardo III)

Atriz: Maria Luísa Mendonça (Um Bonde Chamado Desejo)

Prêmio Especial: Máquina Tadeusz Kantor – Exposição do multi-artista polonês Tadeusz Kantor

Votaram: Aguinaldo Cristofani Ribeiro da Cunha (votou somente o Prêmio Especial e o Grande Prêmio da Crítica), Carmelinda Guimarães, Edgar Olímpio de Souza, Evaristo Martins de Azevedo (votou somente o Prêmio Especial e o Grande Prêmio da Crítica), Gabriela Mellão, José Cetra Filho, Kyra Piscitelli, Marcio Aquiles, Maria Eugênia de Menezes, Michel Fernandes, Miguel Arcanjo Prado e Vinício Angelici

Letícia Colin e o elenco cantam e tocam instrumentos musicais na obra - Foto: Renato Mangolin/Divulgação

Mas, Por Quê??! A História de Elves, levou melhor musical infantil – Foto: Renato Mangolin/Divulgação

Teatro infantil

Espetáculo de Texto Original: JÁ PRA CAMA, da Cia. Barracão Cultural

Espetáculo Adaptado de Conto Clássico: CINDERELA LÁ LÁ LÁ, da Cia. Le Plat du Jour

Musical: MAS POR QUÊ??! A HISTÓRIA DE ELVIS, de Sevenx Produções e A Coisa Toda Produções

Espetáculo de Palhaçaria: ANTES DO DIA CLAREAR, da Cia. 2Dois

Espetáculo em Espaço Não Convencional: FORTES BATIDAS, da Cia Pequeno Ato

Espetáculo com Uso de Novas Mídias em Cenografia: A PORTA SECRETA, da Terceiro Sinal Produções Artísticas

Melhor Espetáculo de Grupo Estreante: CONTOS DOS CINCO CANTOS, da Cia. Tranquila

Votaram: Dib Carneiro Neto, Gabriela Romeu e Mônica Rodrigues da Costa

Grazi Massafera, por Larissa de Verdades Secretas, é a melhor atriz de 2015 - Foto: Divulgação

Grazi Massafera, por Larissa de Verdades Secretas, é a melhor atriz de 2015 – Foto: Divulgação

Televisão

Grande Prêmio da Crítica
: Silvio Santos – pela trajetória na TV Brasileira

Novela: “Verdades Secretas” (Walcyr Carrasco/TV Globo)

Atriz: Grazi Massafera (Verdades Secretas/TV Globo)

Ator: Alexandre Nero (A Regra do Jogo/TV Globo)

Diretor: Mauro Mendonça Filho (Verdades Secretas/TV Globo)

Programa: Masterchef Brasil (TV Bandeirantes/CuatroCabezasEyeworks)

Apresentadora: Mônica Iozzi (TV Globo)

Menção Honrosa: programa “Mulheres” (pelos 35 anos – TV Gazeta)

Votaram: Bárbara Sacchitiello, Edianez Parente, Fabio Maksymczuk, Flávio Ricco, José Armando Vanucci, Leão Lobo, Neuber Fischer e Nilson Xavier

 

Você pode gostar...

17 Resultados

  1. Marcelo disse:

    Sério que melhor pgm foi Master Chef? A categoria televisão é a mais fraca!

  2. Marcelo disse:

    Sério que Master Chef ganhou como melhor pgm da TV Brasileira? Esse poderia ser Pgm de maior impacto, pgm mais comentado, porém melhor pgm não se encaixa pra ele!

  3. na categoria Rádio, a apca tem para o ano de 2016 A GUARANI FM – SÃO PAULO, está rádio web – de são paulo para o brasil o mundo e até mesmo todo o planeta, tocando o melhor somente o melhor da música nacional ( mpb ) e internacional ( pop ), qual espero que Guarani fm – são paulo, seja votada para ganhar o Troféu APCA, por ser merecedora pelo otimo trabalho que vem sendo realizado pela música mundial, ( MERECE ).

  4. Phillipe disse:

    Enquanto aplaudo com veemência as acertadíssimas escolhas em Teatro, lamento profundamente ao ver o resultado em Televisão. Esperava realmente mais da APCA. Com o Brasil parando para ver “OS DEZ MANDAMENTOS”, um produto que quebrou a hegemonia da Rede Globo em termos de liderança, e atuações estelares de Denise Del Vecchio como Joquebede, por OS DEZ MANDAMENTOS, Nívea Maria, por ALÉM DO TEMPO, e Irene Ravache, por ALÉM DO TEMPO, realmente achei todos os resultados extremamente ruins. Na verdade, estou um pouco estarrecido com os resultados e profundamente decepcionado. O que mais me choca é a premiação de Mônica Iozzi, sendo que li várias vezes na mídia que ela gostaria de deixar o programa VÍDEO SHOW e focar em sua carreira de atriz. Será que li as mídias erradas? Faço coro aos descontentes com o resultado da APCA em termos de Televisão. Sinceramente, a APCA já deu resultados esplêndidos em termos de Televisão, com os quais concordei em 100%; neste ano, parece até que li a categoria errada, pois discordo de tudo. Achei tudo absolutamente desacertado e profundamente ruim em termos de escolha. Se cabe aos críticos a escolha e eu a respeito (afinal, os críticos são eles), como telespectador, cabe a mim o direito de concordar ou não com a escolha da crítica. Acho até que pararei de assistir a programas televisivos, pois, pelo visto, realmente não estou sabendo mesmo entender essa “nova televisão” ou então – o que creio ser a resposta para a minha verdade – meu gosto difere do que está sendo propagado como bom por aí. Ano após ano, esperava ansioso para ler os resultados da APCA, principalmente em Televisão e Teatro; neste ano, realmente quase caí da cadeira de tanta decepção com a categoria TELEVISÃO. Se amei as escolhas de Teatro, principalmente Ator e Atriz para Ricardo III e Um Bonde Chamado Desejo, fiquei boquiaberto (negativamente) com o que vi em termos de Televisão. Faço apenas uma ressalva: aplaudo o grande prêmio da crítica para Sílvio Santos. Essa premiação eu realmente tenho de dizer que foi merecidíssima (e, se concordo, não há porque não aplaudir). Eu li sobre os indicados e até aplaudiria se outros fossem escolhidos – mesmo não sendo aqueles pelos quais torcia -, mas, do que se tornou o resultado, respeito a decisão dos jurados, porém, enquanto telespectador, lamento muitíssimo. Até em Música – algo do qual nem tenho tanto interesse -, surpreendentemente, apreciei muito os resultados. Neste ano, os resultados de Televisão, para mim, foram decepcionantes. OS DEZ MANDAMENTOS foi matéria até de capa de revistas. ALÉM DO TEMPO teve uma primeira fase primorosa! Torcia muito pela premiação de Ravache, por sua trajetória maravilhosa enquanto atriz e por sua Condessa Vitória maravilhosa. Mesmo Marieta Severo, apesar de não gostar de VERDADES SECRETAS, é uma atriz com grande potência interpretativa. A vitória de Marieta ou Ravache, para mim, simbolizaria a premiação de atrizes veteranas e, particularmente, a vitória de Ravache daria visibilidade positiva a atrizes mais maduras, como lindamente ocorreu com Jessica Tandy, num dos Oscars mais lindos e acertados da História. Como disse, respeito a decisão da crítica, mas, como telespectador, lamento muitíssimo.

  5. Meus parabéns ao ator diretor e cineasta GUILHERME FONTES – filme chatô o rei do brasil – eleito para receber o troféu apca – como melhor diretor de cinema , agora a GUARANI FM – SÃO PAULO, está rádio web – de são paulo para todo planeta, divulgou o filme chatô o rei do brasil, NO SITE DA GUARANI FM – SÃO PAULO, porque acreditou e acredita na produção brasileira de primeira qualidade, que tem a força do brasileiro do ator e diretor Guilherme fontes, A GUARANI FM – SÃO PAULO, Também acredita que no ano que vem 2016 – vai ser eleita na categoria rádio web – de são paulo para receber o Troféu APCA. Porque nós acreditamos no brasil e somos brasileiros e A Guarani fm são paulo, tem a melhor programação adulto do rádio web – de são paulo para o brasil e o mundo, tocando o melhor da música mundial, Afinal tocando sempre o seu bom gosto. confira no – GUARANIFMSP.BLOGSPOT.COM.BR E OUÇA TAMBÉM NO TUNEIN RÁDIO. A GRANDE AUDIÊNCIA E TODA SUA AFINAL O BOM GOSTO TAMBÉM E SEU E NOSSO.

  6. Meus parabéns ao ator diretor e cineasta GUILHERME FONTES – Filme chatô o rei do brasil – como melhor diretor de cinema – vai receber o troféu APCA, agora a GUARANI FM – SÃO PAULO, Está rádio web – de são paulo para todo o planeta, divulgou o filme chatô o rei do brasil – no site da GUARANI FM – SÃO PAULO, porque acreditou e acredita nesta produção brasileira e realizada pelo ator e diretor GUILHERME FONTES, E Também acredita que no ano que vem 2016 a GUARANI FM – SÃO PAULO, vai ser eleita e vai receber o Troféu APCA na categoria rádio web – afinal a Guarani fm – são paulo, vem fazendo a melhor programação músical adulta tocando o melhor da música nacional ( mpb ) e internacional ( pop ), tocando sempre o seu bom gosto. confira no GUARANIFMSP.BLOGSPOT.COM.BR E OUÇA TAMBÉM NO TUNEIN RÁDIO. O BOM GOSTO E TODO SEU E NOSSO. ESTÁ NO AR A GUARANI FM – SÃO PAULO – MERECE UM APCA em 2016.

  7. No brasil a cada ano que passa boas coisas e acontecimentos culturais vem para ficar mas neste ano de 2015 Foi ano dos Acontecimentos e podemos perceber que foi um ano da cultura e do grande Lançamento do Filme Chatô o rei do brasil ( assis chateabriand ), e foi merecido o ator, diretor e cineasta Guilherme fontes, grande ganhador do Prêmio APCA – Como o melhor diretor de cinema de brasil de 2015. também no dia 14 / 09 / 2015 – foi ao AR a Guarani fm – são paulo, rádio web – do brasil para todo o planeta, com o melhor da música nacional ( mpb ) e internacional ( pop ), tocando sempre seu bom gosto, e que em 2016 merece o Prêmio APCA Na Categoria rádio Web – afinal quem ganhou em 2015 foi o brasil com estes acontecimentos para a cultura, a Guarani fm – são paulo, divulgou com todo empenho no Site o Grande Lançamento do Ano 2015 – O FILME CHATÔ O REI DO BRASIL – A GUARANI FM – SP, SEMPRE APOIO A CULTURA BRASILEIRA.

  8. claudio disse:

    Não concordo com esse resultado,primeiro erro foi o referido prémio não ter ao menos indicado a grande e talentosa atriz Eva Wilma que mesmo no papel pequeno conseguiu se supera com uma interpretação magistral,ao dá vida alcoólatra Fábia Mariano,Eva não só merecia está entre ás indicadas como também ter ganhou o APCA.ok deixo aqui meu protesto.

  9. A GUARANI FM – SÃO PAULO, RÁDIO WEB – ESTARÁ PRESENTE NA CERIMÔNIA DE ENTREGA DO PRÊMIO APCA 2015, COMEMORANDO A GRANDE VITORIA DO ATOR, DIRETOR E CINEASTA GUILHERME FONTES, MELHOR DIRETOR DE CINEMA 2015 – PELO FILME NACIONAL CHATÔ O REI DO BRASIL. E TAMBÉM O ANO EM QUE A APCA COMPLETA 60 ANOS DE FUNDAÇÃO, A GUARANI FM – SP, DESEJA A APCA MAIS 60 ANO DE VIDA E VIDA. E SUCESSO TOTAL EM TODAS AS ÁREAS DA ARTE E DA CULTURA BRASILEIRA.

  10. Helena Passos disse:

    Creio que a maior injustiça da APCA ocorreu em 1986 ao não premiar a atriz EVA WILMA como a melhor do ano pela novela Roda de Fogo (GLOBO). Não sei se foi burrice dos jurados da APCA ou se foi covardia por não querer dar um prêmio a uma atriz que interpretou uma vítima da tortura militar no país. Por este deslize, a APCA bem poderia homenagear a grande EVA WILMA (magistral como Maura na novela global) com um prêmio especial, e assim estaria corrigindo esse “errinho”.

    • Miguel Arcanjo Prado disse:

      Helena, você não acompanhou, mas Eva Wilma ganhou o Prêmio Especial da APCA em 2013 pelos 60 anos de carreira. Abraços!

  11. beto disse:

    Realmente meu caro Miguel,vocês premiaram a talentosa atriz Eva Wilma em 2013,com o prémio Especial pelo 60 anos de carreira dá referida atriz cujo currículo é composto de personagens inesquecíveis,tanto no teatro,como no cinema e na televisão,mas naquele ano cometeram uma tremenda injustiça com Eva Wilma,pois ela merecia ter recebido desta instituição o Grande Prémio da Critica,até hoje eu to sem entender o por quer dessa atitude da Apca com atriz Eva Wilma e pior ainda no ano seguinte vocẽs deram o referido prémio a Laura Cardoso,ou seja Eva é tão talentosa quanto Laura.ok

  12. Helena disse:

    Com todo o respeito ao talento da grande Laura Cardoso, mas EVA WILMA é infinitamente melhor!!!!

  13. Helena disse:

    Hoje (24/04/16), acabei de assistir a uma reportagem do Fantástico sobre as pessoas que foram torturadas na época do militarismo, entre elas, a Presidente Dilma, e isto me fez mais uma vez me lembrar da personagem Maura Garcês, brilhantemente defendido por EVA WILMA na novela Roda de Fogo (GLOBO//1986), e, mais uma vez estou aqui para dizer: a APCA perdeu uma excelente e única oportunidade de se tornar o prêmio mais sério e importante do país se tivesse reconhecido e concedido o prêmio de melhor atriz para EVA WILMA naquele ano. Enfim, águas e incompetências passadas!!!

  14. GUARANI FM – SÃO PAULO, RÁDIO WEB – ONLANE, PARA SÃO PAULO, BRASIL E TODO O MUNDO, COM UMA PROGRAMAÇÃO MÚSICAL ADULTA COM O MELHOR DA MPB E DO POP, A GUARANI FM – SÃO PAULO – TEM COMO VOZ PADRÃO A COMUNICADORA E APRESENTADORA ROXANE RÉ, PELA COMUNICAÇÃO DO BRASIL – ESTAMOS NO AR, SAMOS ONLANE, SAMOS DIGITAL, SAMOS GUARANI FM – SÃO PAULO. E MERECEMOS UM PRÊMIO APCA 2016 NA CATEGORIA RÁDIO WEB – AFINAL A GUARANI FM – SÃO PAULO, TEM UMA PROGRAMAÇÃO MÚSICAL OTIMA E APOIAMOS O CINEMA NACIONAL E A CULTURA BRASILEIRA ( PRÊMIO APCA 20116 MERECIDO ), PARABÉNS APCA PELO 60 ANOS – O OSCAR BRASILEIRO PARA A CULTURA DO BRASIL.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *