Rapidinhas teatrais

Paulo Miklos estreia no teatro em 2016 como lenda do jazz - Foto: Divulgação

Paulo Miklos estreia no teatro em 2016 como lenda do jazz – Foto: Divulgação

Por MIGUEL ARCANJO PRADO

Jazz no palco
O titã Paulo Miklos se prepara para a estreia de Chet Baker – Apenas um Sopro, no dia 20 de janeiro, no CCBB de São Paulo. Ele viverá a lenda do jazz sob direção de José Roberto Jardim. Sergio Roveri assina a dramaturgia.

Crime na Ipiranga com São João
A atriz Vanessa Goulartt, querida da coluna, teve sua bolsa furtada por um casal aparentemente inofensivo na loja do Habbibs da av. Ipiranga, na esquina com São João, coração do centro paulistano. Corajosa, gravou um vídeo para contar como tudo aconteceu. O depoimento é emocionante. Veja:

Pascoal da Conceição, o Doutor Abobrinha, também é Mário de Andrade nas escolas ocupadas - Foto: Divulgação

Pascoal da Conceição, o Doutor Abobrinha, também é Mário de Andrade nas escolas ocupadas – Foto: Divulgação


Artista de fato

Pascoal da Conceição, nosso grande ator, foi às escolas ocupadas como Mário de Andrade. Ele falou sobre a experiência na Entrevista de Quinta.

Militares no teatro
Falando em estudantes, no último dia 9, segundo Rudifran Pompeu, presidente da Cooperativa Paulista de Teatro, vários estudantes que se manifestavam no centro de São Paulo tentaram fugir dos PMs e se esconderam no Teatro de Arena, que é um prédio federal. Mesmo assim, segundo o relato, os militares invadiram o espaço e espancaram os jovens, retirando-os de lá.

Lembrou a ditadura
Muita gente comparou a invasão de um teatro por policiais aos tenebrosos tempos da ditadura civil-militar. Por conta disso, os artistas marcaram ato de repúdio contra a invasão do Teatro de Arena pela Polícia Militar. Será no dia 17 de dezembro, próxima quinta, no mesmo espaço, que fica na rua Teodoro Baima, 98, em São Paulo. “Importante que o povo do teatro se posicione e não deixe passar em branco essa invasão”, diz Pompeu.

Ação arbitrária e violenta”
A Funarte, que administra o T’eatro de Arena Eugênio Kusnet, soltou nota pública na qual afirma que “os policiais retiraram à força os jovens de dentro da bilheteria do teatro, sem ordem de prisão, nem qualquer tentativa de manutenção da ordem – apenas com agressões aos adolescentes”. O texto ainda diz: “A Funarte repudia essa ação arbitrária e violenta, que fere os direitos previstos na Constituição Federal, no Estatuto da Criança e do Adolescente e, principalmente, o Estado Democrático de Direito”.

Memória e democracia
A nota da Funarte ainda diz: “Em defesa da memória do Teatro de Arena e de todos os artistas que fizeram desse espaço palco da luta insubmissa e revolucionária contra a ditadura militar, a Funarte e o Ministério da Cultura, gestores do teatro, exigem esclarecimentos do Governo do Estado de São Paulo sobre o episódio”. O órgão federal ainda afirmou: “Solidarizamo-nos com os jovens agredidos, suas famílias, os artistas e o público, presente no teatro; e com todos aqueles que acreditam que a democracia é o nosso maior patrimônio – e, por isso, sentem-se também violentados”.

Flávio Rodrigues dá vida a Abdias do Nascimento no musical Luz Negra: sessões nos dias 14 e 15 de dezembro, às 21h, com preço pague quanto puder - Foto: Divulgação

Flávio Rodrigues dá vida a Abdias do Nascimento no musical Luz Negra: sessões nos dias 14 e 15 de dezembro, às 21h, com preço pague quanto puder – Foto: Divulgação

Responsa
O ator Flavio Rodrigues assume com orgulho a missão de interpretar Abdias do Nascimento, um dos maiores nomes da cultura afrobrasileira, no musical Luz Negra, em cartaz toda segunda e terça, 21h, na Sede Luz do Faroeste (r. do Triunfo, 301, Luz), em São Paulo. Paulo Faria é o diretor.

Acabando
A peça Hysterica Passio faz suas duas últimas apresentações neste sábado (12) e domingo (13), às 20h, no Espaço dos Parlapatões, na praça Roosevelt. Vai, gente.

Ei, você aí…
O Grupo XIX de Teatro está fazendo uma vaquinha na internet para arrumar dinheiro para consertar o telhado do Armazém 19. É que sempre que chove o lugar inunda. Mesmo em tempos de crise, estão confiantes em arrecadar R$ 55 mil, valor para pararem as goteiras. Os baldes agradecem.

Me dá um dinheiro aí
As atrizes Lauanda Varone e Fan Lipinski, da Cia. Alóctone, estão com campanha na internet para montar a primeira peça do grupo: Origens. Recebem doações a partir de R$ 10 até 26 de dezembro. Se puder, ajude.

Peça Origens faz campanha na internet para acontecer em 2016 - Foto: Divulgação

Peça Origens faz campanha na internet para acontecer em 2016 – Foto: Divulgação

A Viagem
Falando nisso, a Cia. Alóctone participa da Mostra de Cenas Curtas do Festival do Rio, neste fim de semana. Apresenta a cena A Mulher de Quinze Homens, baseada em um capítulo do livro O Filho de Mil Homens, de Valter Hugo Mãe. A criação é do trio Fran Lipinksi, Lauanda Varone e Felipe Lacerda, quando o trio fazia parte do Núcleo Experimental do Sesi. Este sábado (12), às 19h, no Teatro Maria Clara Machado. Mais carioca, impossível.

Ingressos
O Teatro Porto Seguro já está com vendas abertas para sua temporada de 2016. Entre as atrações previstas para o ano que vem estão a volta dos sucessos A Casa dos Budas Ditosos, com Fernanda Torres, e Urinal, o Musical, que deu o APCA de melhor diretor a Zé Henrique de Paula e agora vai para o teatrão.

16 atores saem do Sesi direto para o mercado em 2016 - Foto: Divulgação

Recém saídos do Sesi, 16 atores esperam conquistar os palcos em 2016 – Foto: Divulgação

Fim de festa
Teve até premiação interna, com clima de tapete vermelho, o fim do curso do Núcleo Experimental do Sesi 2015. Ao todo, 16 atores participaram do projeto e tiveram aulas com nomes como Yara de Novaes e Cássio Pires. Agora, enfrentam o aterrorizante mercado.

Natalinos
O Teatro UMC comemorará um ano de atividades com uma Programação Especial de Natal. Será entre 16 e 20 de dezembro. Serão apresentados: em 16/12, às 21h, Helvis, o Musical, em 18/12, Humor in Concert; em 19/12, às 21h, Gabriel Elias Mais que 15, e, no domingo, 20/12, às 20h, Os Três Tenores do Brasil. Anotou?

Nomes importantes do teatro participaram do I Encontro sobre Curadoria em Festivais - Foto: Divulgação

Nomes importantes do teatro participaram do I Encontro sobre Curadoria em Artes Cênicas – Foto: Divulgação

Papo bom
Aconteceu nesta semana o I Encontro sobre Curadoria em Artes Cênicas, com o curador, jornalista e dramaturgo alemão Florian Malzacher e alguns dos principais nomes do teatro brasileiro, no Goethe Institut de São Paulo. A Mostra Internacional de Teatro de São Paulo, representada por Guilherme Marques e Antonio Araújo, e o Observatório dos Festivais estiveram à frente da ação. A coluna participou. E foi ótimo.

Até breve!
A coluna entra em recesso de fim de ano e volta a dar as caras no teatro brasileiro em 2016. Ótimas festas de fim de ano e até o ano que vem. Que seja muito melhor que este 2015. Amor, saúde e paz para todos nós.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *