Conheça os fotógrafos que eternizam o teatro no Festival de Curitiba

Por MIGUEL ARCANJO PRADO
Enviado especial a Curitiba*

O Festival de Teatro de Curitiba é o mais bem servido do país quando o assunto é fotografia de qualidade. Nesta 25a edição, mais uma vez Daniel Sorrentino comanda o batalhão de fotógrafos. Eles fazem milhares de imagens dos mais de 350 espetáculos, que depois são cuidadosamente editadas por Ana Cris Willerding até chegar aos olhos do público nos veículos de comunicação de todo o País. Assim, o que se passa no palco fica registrado para a posteridade. O site revela os rostos detrás das lentes e ainda os instiga a contar por que amam fotografar o teatro.

A fotógrafa Ana Cris Willerding

A fotógrafa Ana Cris Willerding

Ana Cris Willerding, fotógrafa e editora de fotografia
“Amo fotografar teatro porque toda cena é única e ela eternizada me inspira a gerar mais arte.”

A fotógrafa Annelize Tozetto

A fotógrafa Annelize Tozetto – Foto: Leonardo Lima

Annelize Tozetto, fotógrafa
“Eu amo fotografar teatro porque minha alma pulsa junto com cada peça que fotografo. E é através desse pulsar que capturo momentos únicos em cada espetáculo e tento mostrar para os outros o quanto a arte teatral é tão vasta e profunda quanto os seres humanos.”

O fotógrafo Diego Pisante

O fotógrafo Diego Pisante

Diego Pisante, fotógrafo
“Amo fotografar teatro porque a mistura de expressões e luz é única, fascina, encanta e te leva a outro mundo.”

O fotógrafo Daniel Sorrentino

O fotógrafo Daniel Sorrentino, coordenador da fotografia do Festival de Teatro de Curitiba

Daniel Sorrentino, fotógrafo e coordenador da fotografia do Festival de Teatro de Curitiba
“Eu amo fotografar teatro porque seria um egoísmo enorme guardar aquele mundo só na minha memória.”

O fotógrafo Humberto Araújo - Foto: Marcelo Calil/Divulgação

O fotógrafo Humberto Araújo – Foto: Marcelo Calil

Humberto Araujo, fotógrafo
“Eu amo fotografar teatro porque sempre me interessei muito por arte, especialmente espetáculos cênicos, tanto que é o segmento da fotografia que me escolheu. Gosto de me envolver com a montagem, com a dramaturgia e toda a atmosfera  – quase mágica – da atuação dos artistas. Documentar cena e palco permite que o fotógrafo tenha um olhar privilegiado sobre as possibilidades imagéticas do espetáculo. A decisão de enquadrar uma cena, envolve emoção mais que os aspectos da técnica, e isso me desafia a cada trabalho, tendo que frequentemente decidir  o que ficar de fora do quadrado da imagem.”

O fotógrafo Jorge Mariano

O fotógrafo Jorge Mariano

Jorge Mariano, fotógrafo
“Eu amo fotografar teatro porque o palco está sempre em mutação. A mesma peça, fotografada dezenas de vezes, é sempre diferente. Os atores mudam, a luz muda, o próprio palco se comporta como um ambiente vivo. É sempre um desafio para o fotógrafo.”

A fotógrafa Kelly

A fotógrafa Kelly Knevels – Foto: Kelly Knevels

Kelly Knevels, fotógrafa
“Eu amo fotografar teatro porque existem emoções que a gente só vivencia no teatro, e fotografar essa linda arte é como participar um pouquinho da magia.”

O fotógrafo Leonardo Lima

O fotógrafo Leonardo Lima – Foto: Annelize Tozetto

Leonardo Lima, fotógrafo
“Eu amo fotografar teatro porque é uma das formas mais completas e deslumbrantes de expressão artística. Fotografar teatro me dá oportunidade de eternizar estes momentos.”

A fotógrafa Lina Sumizono

A fotógrafa Lina Sumizono

Lina Sumizono, fotógrafa
“Eu amo fotografar teatro porque é fascinante e desafiador o mundo da arte cênica!”

O fotógrafo Márcio Pimenta

O fotógrafo Márcio Pimenta

Marcio Pimenta, fotógrafo
“Eu amo fotografar teatro porque é como a vida, é improviso.”

O fotógrafo Nilton Russo

O fotógrafo Nilton Russo

Nilton Russo, fotógrafo
“Amo fotografar teatro pela luz, astral, registro e pelo desafio. Sou especialista em eventos sociais seja casamentos, aniversários e corporativo. Fotografo o Festival desde 2013. O teatro eu digo que é a cereja do bolo, onde eu fotografo com muito amor e faço com muito gosto. Acho intrigante ter que agir rápido na fotometria, abertura, ISO, velocidade e click capturado. E está aqui dentro aquele instante. Momentos mágicos e imperdíveis.”

A fotógrafa Samira Neves

A fotógrafa Samira Neves

Samira Neves, fotógrafa
“Amo fotografar o teatro porque registrar o inesperado, surpreende, espanta, anestesia, assim como a vida passageira pode ser inteira e emocionante e os momentos cênicos afloram a chance de sentir em detalhes os tantos sentimentos da alma humana.”
virginiabenevenuto

A fotógrafa Virginia Benevenuto

Virginia Benevenuto, fotógrafa
“Eu amo fotografar teatro porque é uma arte completa que nos transporta a outros tempos e lugares. E ao conseguir registrar um momento exato em que a interpretação, o cenário ou a iluminação se completam é um prazer único.”

*O jornalista MIGUEL ARCANJO PRADO viajou a convite do Festival de Curitiba.

Leia a cobertura completa do Festival de Teatro de Curitiba

Curta nossa página no Facebook e siga o site!

Fique por dentro do que está rolando nas artes

 

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *