Por trás do pano – Rapidinhas teatrais

Apresentadora: Marba Goicochea, durante o 5º Festival Cultural Carnaval Andino Yunza, no Clube Tietê, em São Paulo - Foto: Divulgação

Apresentadora: Marba Goicochea, durante o 5º Festival Cultural Carnaval Andino Yunza, no Clube Tietê, em São Paulo – Foto: Divulgação

Por MIGUEL ARCANJO PRADO

Apresentadora
Marba Goicochea, a atriz peruana que causa furor no teatro brasileiro, foi apresentadora, no último domingo (17), do Carnaval Andino Yunza 2016, a mais tradicional celebração peruana em São Paulo. A festa foi no Clube Tietê, onde houve feirinha gastronômica e números folclóricos. Marba apresentou a festa ao lado de seu amado, o ator Fransérgio Araújo. Coisa boa.

Corre, corre
Gisa Guttervil não parou um só minuto na última quarta (20). Também pudera. Além de protagonizar Fando e Lis, que reestreou no Espaço dos Parlapatões, ela também fez toda a produção. Não é fácil.

Diretor
Paulo Faria prestigiou a estreia de Fando e Lis. Foi ver Leona Jhovs, que também é atriz de sua companhia, a Pessoal do Faroeste, que encena até a próxima terça (26) o musical Luz Negra. Vá ver também.

Maratona
Na estreia de Fando e Lis, Samira Lochter, assistente de direção da peça, fez uma verdadeira maratona. Recebeu o público, correu para o Teatro de Arena, onde fez a performance E, com um Beijo… Eu morro, e voltou a ponto de receber a plateia na saída da peça. Uma guerreira.

Ai, que calor!
Na estreia de Fando e Lis, os espectadores saíram esbaforidos da sessão, já que o ar-condicionado do Parlapatões estava desligado. E fazia um calor carioca. Tem de ligar, gente.

A atriz Leona Jhovs: emoção ao oferecer a peça a seu pai, que fez 75 anos - Foto: Divulgação

A atriz Leona Jhovs: emoção ao oferecer a peça a seu pai, que fez 75 anos – Foto: Divulgação

Emoção
Mas, antes da saída, os espectadores se emocionaram. Ao fim de Fando e Lis, Leona Jhovs, atriz transexual, fez discurso com os olhos marejados. Ofereceu a peça “ao homem de sua vida”, seu pai, que estava na plateia e completou 75 anos. “Eu sou muito grata por tudo que o senhor me deu. E eu hoje estou no palco e não na rua”. A plateia veio abaixo.

Nomes na lista
A nova peça dirigida por Eric Lenate, o diretor que adora usar coletes, chama-se Biofobia, com dramaturgia de Santiago Nazarian, que estreia em texto teatral. O elenco já está formado. Saiba em primeiríssima mão quem são: Laerte Késsimos, Rita Batata e Luciano Gatti. Estreia ainda este ano. Aguardemos.

Débora Falabella e Yara de Novaes em Contrações, do inglês Mike Bartlett - Foto: João Caldas Filho/Divulgação

Débora Falabella e Yara de Novaes em Contrações, do inglês Mike Bartlett – Foto: João Caldas Filho/Divulgação

Horror capitalista
Débora Falabella volta a viver a funcionária atormentada pela chefe, papel de Yara de Novaes, na peça Contrações. Reestreia nesta sexta (22), no Teatro Shopping Frei Caneca, em São Paulo. A montagem dirigida por Grace Passô rendeu o APCA de melhor atriz para as duas. Merecidíssimo.

Grátis
A peça Hysterica Passio, texto da dramaturga espanhola Angélica Liddell, aquela que é cheia de tormentos, tem sessões grátis no Centro Cultural São Paulo nesta sexta (23), sábado (23) e domingo (24). Estão todos convidados.

Silvio Eduardo e Cléo De Páris em Justine - Foto: André Stefano/Divulgação

Silvio Eduardo e Cléo De Páris em Justine – Foto: André Stefano/Divulgação

Filha pródiga
Olha aí que linda Cléo De Páris, musa maior da praça Roosevelt e do grupo Os Satyros, ao lado do ator Silvio Eduardo. Cléo volta a encenar uma peça da trupe, após três anos ausente, nesta sexta (22). Ela é protagonista de Justine, que encerra a tetralogia de Marquês de Sade, sob direção de Rodolfo García Vázquez. Faz uma moça bela e recatada [leia reportagem no UOL]

Novata
A irmã devassa de Justine, vivida por Cléo, é Juliette, interpretada por Lorena Garrido, que deixou a peça Fando e Lis para participar da montagem do Satyros. Danada.

Bandeira branca
O ator Ivam Cabral, sempre envolvido com múltiplos projetos no Satyros e na SP Escola de Teatro, está pensando em tirar um período sabático. Faz bem. Descansar e colocar a cabeça no lugar é preciso.

Antônio Petrin e Cassio Scapin em Histeria, nova peça de Jô Soares - Foto: Divulgação

Antônio Petrin e Cassio Scapin em Histeria, nova peça de Jô Soares – Foto: Divulgação

Peça do Gordo
Em clima de despedida da TV, Jô Soares está empolgado com sua nova peça, Histeria, que estreia dia 30 de abril, no Tuca, com Cássico Scapin e Antônio Petrin como Salvador Dalí e Freud. Dois poderosos.

Falando nisso…
O nome da peça dirigida por Jô só não é igual ao da peça do Grupo XIX de Teatro por uma letra. A do grupo da Vila Maria Zélia chama-se Hysteria. Com Y. Então, tá bom.

Arô Ribeiro e em A Memória dos Meninos - Foto: Fernanda Procópio/Divulgação

Arô Ribeiro e Mario Moura em A Memória dos Meninos – Foto: Fernanda Procópio/Divulgação

Regressão
A peça A Memória dos Meninos, dirigida por Luiz Eduardo Frin e com texto de Lucianno Maza, só faz mais duas sessões, sempre aos sábados, 17h, no Teatro Commune, em São Paulo. A inteira é R$ 40 e a meia-entrada, R$ 20. Em cena estão os atores Arô Ribeiro e Mario Moura como os irmãos Rafael e Miguel, que se reencontram no velório do pai e lembram da terrível infância. Não é fácil.

Mineiros
O Grupo Quatroloscinco Teatro do Comum estreia sua peça Ignorância nesta sexta (21) na Funarte de São Paulo. Falam sobre estes tempos em que ninguém se entende.

Pornoáudio: só mais duas sessões no Espaço dos Parlapatões - Foto: Divulgação

Pornoáudio: só mais duas sessões no Espaço dos Parlapatões – Foto: Divulgação

Reta final
A Cia. do Escombro está terminando a temporada da peça Pornoáudio no Espaço dos Parlapatões. Vai só até 29 de abril, toda sexta, 21h. Corre pra ver.

Ai, que absurdo!
A peça tem dramaturgia e direção de Teresa Borges. É uma comédia do absurdo com uma atendente de telessexo, um homem e um homem-cachorro. Pode?

Dana Trevisan, Patrica Rocha e Ângela Calderazzo em Marat-Sade, que estreia em maio no Teatro Commune - Foto: Divulgação

Dana Trevisan, Patrica Rocha e Ângela Calderazzo em Marat-Sade, que estreia em maio no Teatro Commune – Foto: Divulgação

Gente reunida
Marat-Sade, de Peter Weiss, estreia dia 4 de maio no Teatro Commune. A peça apresenta a perseguição e o assassinato do revolucionário Jean Paul Marat, realizada pelos internos do hospício de Charenton, na França, em 1808. A montagem do Teatro da Pequena Morte tem direção de Reginaldo Nascimento e reúne 23 atores no elenco. Uma pequena multidão.

Machadiano
As Sombras de Dom Casmurro volta ao cartaz em 7 de maio no Teatro da Vila do Shopping JK Iguatemi. É um recorte do clássico de Machado de Assis feito por Toni Brandão (escritor premiado pelo APCA, Mambembe e Coca-Cola). Ele só utilizou trechos do próprio livro para compor o monólogo com Marcos Damigo sob direção de Débora Dubois. Gente fina.

Brunno Almeida Maia - Foto: Guilherme Alonso/Divulgação

Brunno Almeida Maia – Foto: Guilherme Alonso/Divulgação

Pensamento
O intelectual Brunno Almeida Maia se prepara para dar mais um curso ligando moda e filosofia. Constelações Visionárias: A Relação entre Moda e Filosofia será ministrado no Sesc Consolação, em São Paulo, dentro do projeto Sapiências. As inscrições começam em 25 de abril. O curso vai de 5 de maio a 9 de junho, todas as quintas, das 19h às 21h30. No repertório de Maia está o filósofo alemão Walter Benjamin, um dos papas da Escola de Frankfurt. Referência é o que não falta, meu bem.

Fora da ordem
Enquanto as novas aulas não começam, Brunno Almeida Maia ministra outro curso ao lado do chapeleiro Eduardo Laurino e da escritora Anita Deak: Assimetrias do Tempo: A Construção e a Desconstrução da Moda, na Literatura e na Filosofia, dentro do projeto #ForadaModa, no Sesc Ipiranga. Começou em 12 de abril e vai até 30 de junho, sempre nas noites de terças e quintas com entrada gratuita. Que bom.

Fartura baiana em SP: Danielle Rosa faz acarajé com o amigo Tony Reis - Foto: Divulgação

Fartura baiana em SP: Danielle Rosa faz acarajé com o amigo Tony Reis – Foto: Divulgação

O que é que a baiana tem?
Danielle Rosa, musa baiana do Teat(r)o Oficina, sabe fazer o acarajé mais gostoso de São Paulo. Quem duvidar que pergunte ao ator Tony Reis, seu colega de grupo e tão baiano quanto.

Estrela na telona
Danielle Rosa pode ser vista nos cinemas no filme A Bruta Flor do Querer, de Andradina Azevedo e Dida Andrade. É uma das protagonistas.

Pelo Brasil
A Bruta Flor do Querer está em cartaz nos próximos dias nas seguintes cidades, cinemas e horários: Belém, Cine Líbero Luxargo – 18h; Campinas, Cineflix Galleria – 16h50; Palmas, Centro Cultural de Palmas – 20h30; Porto Alegre, Cinemateca Paulo Amorim – Sala Eduardo Hirtz – 17h15; Recife, Cinema São Luiz – Quinta e Terça 16h / Sexta 19h40 / Sexta 16h; São Paulo, Espaço Itaú Augusta – Sala 05 – 14h. Anotou tudo? Então, corre pra ver.

Coordenador pedagógico da SP Escola de Teatro, Joaquim Gama acaba de lançar o livro Alegoria em Jogo - Foto: Divulgação

Coordenador pedagógico da SP Escola de Teatro, Joaquim Gama acaba de lançar o livro Alegoria em Jogo – Foto: Divulgação

Livro
Joaquim Gama lançou o livro Alegoria em Jogo: A Encenação como Prática Pedagógica, pela Editora Perspectiva. Já está nas livrarias.

Nostalgia
O musical infantil Meu Amigo Charlie Brown se despede do público paulistano neste domingo (24), no Teatro Shopping Frei Caneca. Tiago Abravanel faz o cão Snoopy. Fofo.

Jé Oliveira e Mano Brown: o ídolo foi ver Farinha com Açúcar do Coletivo Negro e gostou do que viu - Foto: Divulgação

Jé Oliveira e Mano Brown: o ídolo foi ver Farinha com Açúcar do Coletivo Negro e gostou do que viu – Foto: André Murrer/Divulgação

Racionais
Mano Brown foi ver Farinha com Açúcar ou Sobre a Sustança de Meninos e Homens, do Coletivo Negro, na Funarte de São Paulo. “Esperamos por esse momento a temporada inteira”, diz Jé Oliveira, ator, diretor e dramaturgo da obra e fã dos Racionais MC’s desde que se entende por gente.

Diálogo negro
“Todos os meus amigos próximos sabem o quanto o Racionais foi e é importante na minha trajetória artística e sobretudo na minha vida pessoal. Eles chegaram muito, muito, mas muito antes do teatro na minha vida e eu ser um artista hoje devo ao fato da arte negra deles ter descortinado para mim um portal-potência misterioso e avassalador que me sacudiu e revirou em seu útero parindo um outro ser dali para frente”, define Jé Oliveira, antes de complementar: “Eu sinto uma imensa felicidade por eles existirem e por eles serem pretos”.

Aplauso, mano
A coluna conseguiu descolar uma foto do momento em que Mano Brown aplaudiu vigorosamente Farinha com Açúcar. Veja aí abaixo:

Mano Brown aplaude Farinha com Açúcar, do Coletivo Negro, na Funarte: presença importante na plateia - Foto: Divulgação

Mano Brown aplaude Farinha com Açúcar, do Coletivo Negro, na Funarte: presença importante na plateia – Foto: André Murrer/Divulgação

Maria, maria
A atriz e diretora Denise Weinberg sobe ao palco do Sesc em São José dos Campos neste sábado (23) para apresentar a peça O Testamento de Maria, obra escrita pelo autor irlandês Colm Tóibín e produzida originalmente na Broadway por Scott Rudin. Chique.

Jo Clifford: da Escócia para curso gratuito em SP - Foto: Yaz Norris/Divulgação

Jo Clifford: da Escócia para curso gratuito em SP – Foto: Yaz Norris/Divulgação

Escocesa
Dois anos depois de sua primeira passagem pelo Brasil, a dramaturga escocesa Jo Clifford, referência do teatro europeu, volta a São Paulo para dar o workshop A Empatia na Escrita Dramatúrgica – Desenvolvendo a Escuta, nos dias 10, 11 e 12 de maio, na sede do SESI-SP, na Avenida Paulista. Para participar, os interessados devem realizar o cadastro e preencher o questionário de inscrição no site www.sesisp.org.br/dramaturgia, no período de 25 de abril a 1° de maio. Oportunidade única.

“Você precisa aprender inglês…”
A coluna descobriu que, durante os encontros, promovidos pelo Núcleo de Dramaturgia SESI-British Council, em parceria com o Creative Scotland, os participantes serão desafiados a desenvolver sua escrita e lançar um olhar sobre a cidade e seus habitantes. É claro que Jo Clifford fará algumas provocações e dará instruções. Não precisa entrar em desespero. Ah, haverá tradução simultânea. Então, não tem problema não saber inglês.

Viva a dança
Já estão à venda as assinaturas para a Temporada Alfa 2016, que na 13ª edição traz seis companhias reconhecidas mundialmente (três brasileiras e três internacionais), entre junho e novembro para o Teatro Alfa: 23 de junho a 3 de julho – Cia de Dança Deborah Colker (VeRo); 15 a 17 de julho – Ballet de Santiago (Zorba, o Grego); 23 e 24 de julho – Sankai Juku (Meguri); 4 a 14 de agosto – Grupo Corpo (Dança Sinfônica e 21); 22 e 23 de outubro – Mimulus (Do Lado Esquerdo de Quem Sobe) e 5 a 7 de novembro – Käfig (Pixel). Anotou tudo?

Gabriel Miziara adaptou texto de Virgínia Wolf - Foto: João Caldas

Gabriel Miziara adaptou texto de Virginia Woolf – Foto: João Caldas

Reta final
A peça As Ondas ou uma Autópsia encerra temporada no dia 10 de maio, no Espaço Beta no Sesc Consolação, onde se apresenta segunda e terça, 20h. É uma adaptação do romance As Ondas, da escritora Virginia Woolf, feita pelo ator Gabriel Miziara. Esse aí de vestido rosa na foto acima.

Crianças
O novo musical da Galinha Pintadinha estreou nesta quinta (21) no Theatro NET São Paulo. Os pequenos são viciados na personagem e seus coleguinhas. Quem tem filho ou sobrinho pequeno sabe disso muito bem.

Terra do Nunca
A Cia. Artehúmus de Teatro – grupo que já fez de um banheiro público e de um prédio abandonado, em São Paulo, cenários para seus espetáculos – estreou Neverland ou As (In)existentes Faixas de Gaza nesta quinta. O palco escolhido para a performance é a efervescente rua Augusta. Evill Rebouças assina concepção e direção.

Trilhos urbanos
Simultaneamente, os atores-performers de Neverland (Daniel Ortega, Solange Moreno, Cristiano Sales, Natália Guimarães, Santiago Sabella e Dai Rodrigues, além do coro de acorrentados) ocupam vários espaços com suas figuras e performances. Saindo da Augusta (esquina com Rua Peixoto Gomide), a encenação passa por vários pontos até chegar à ciclovia da avenida Paulista. Veja uma das cenas no vídeo abaixo:

 

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *