Por trás do pano – Rapidinhas teatrais

Elizabeth Savala está na peça "A.M.A.D.A.S." - Foto: Divulgação

Elizabeth Savala está na peça “A.M.A.D.A.S.” – Foto: Divulgação

Por MIGUEL ARCANJO PRADO

O tempo voa
A atriz Elizabeth Savala quebra jejum de dez anos sem pisar nos palcos de São Paulo com a peça “A.M.A.D.A.S. – Associação de Mulheres que Acordam Despencadas”, de Regina Antonini. Estreia em 10 de setembro, no Teatro Brigadeiro.

Representatividade
Depois de apresentar em 2015 a polêmica peça “A Mulher do Trem”, do grupo Os Fofos Encenam, com a repudiada cena de blackface, o Itaú Cultural promove uma série de debates sobre a ausência do negro na cena teatral. O último encontro está marcado para 6 de setembro, às 20h, na sede do instituto na av. Paulista. “Diálogos Ausentes: O Negro na Arte – Teatro” terá neste dia o tema: “A Estética, História e Militância Negra no Teatro”. Quem quiser participar pode se inscrever pelo site do Itaú Cultural entre os dias 30 de agosto e 4 de setembro. Avise aos amigos que dizem que não tem racismo no Brasil. Nem no teatro.

Phedra D. Córdoba, a grande diva cubana que marcou o teatro brasileiro será celebrada na Satyrianas - Foto: Bob Sousa

Phedra D. Córdoba, a grande diva cubana que marcou o teatro brasileiro será celebrada na Satyrianas – Foto: Bob Sousa

Colibri, jatobá, loba!
Phedra D. Córdoba, a grande diva cubana e amada da coluna que nos deixou no primeiro semestre, será a grande homenageada do festival Satyrianas, que acontece entre 12 e 15 de novembro, na praça Roosevelt, com coordenação geral de Gustavo Ferreira, do Satyros. Ela deve estar felicíssima no céu. “O povo me adora”, deve estar dizendo aos anjos.

Sabedoria
Ao saber que existe um planeta parecido com a Terra próximo da estrela Próxima Centauri, a atriz Cléo De Páris constatou: “E tem gente que se acha muito importante nessa breve existência… Ãhã!”

Falando nisso…
Um ator que ganhou recentemente importante prêmio teatral está com o ego nas alturas. O rapaz pensa que é o novo Paulo Autran. Com sua arrogância, o jovem artista só precisa descobrir que Paulo Autran era a pessoa mais doce, humilde e educada do mundo. Do tipo que telefonava para jornalista para agradecer por ter sido lembrado em alguma matéria. Este colunista é prova viva. Menos, menino, menos.

Após sucesso no Rio, "Brimas" quer conquistar os paulistanos - Foto: Guga Melgar/Divulgação

Após sucesso no Rio, “Brimas” quer conquistar os paulistanos – Foto: Guga Melgar/Divulgação

Viemos do Egyto
A comédia “Brimas”, de Beth Zalcman e Simone Kalil, estreia nesta sexta (26) no Teatro  J. Safra, em São Paulo, após conquistar cariocas. Luiz Antônio Rocha dirige a obra que fica em cartaz até 11 de setembro. Mostra o encontro de duas matriarcas imigrantes, vindas do Oriente Médio. Enquanto fazem quibes.

Opressão feminina
A opressão e a submissão da mulher é algo que está presente em diversas culturas. A peça “Espelho”, da Cia. Temporária de Investigação Cênica, apresenta como isso acontece nas culturas árabe e judaica. Estreia em 3 de setembro no Teatro da Livraria da Vila do Shopping JK, em São Paulo. Interessante.

Mulheres em cena
A ganhadora do prêmio Nobel Elfriede Jelinek assina o novo texto da Cia. das Atrizes: “Dramas de Princesas”, com direção de Maria Tendlau. Estreia em 1º de setembro, na Oficina Cultural Oswald de Andrade, em São Paulo. Vai, gente.

Nathalia Timberg encena peça em SP aos 86 anos - Foto: Divulgação

Nathalia Timberg encena peça em SP aos 86 anos – Foto: Divulgação

Dama dos palcos
Com 86 anos Nathalia Timberg, que ganhou recentemente um teatro no Rio de Janeiro com seu nome, estreia dia 9 de setembro, no Teatro Nair Bello, em São Paulo, o espetáculo “33 Variações”. O texto do venezuelano Moisés Kaufman foi sucesso na Broadway e por aqui ganha direção de Wolf Maya. Na montagem, a atriz interpreta o papel que foi de Jane Fonda em 2009, o de uma musicóloga que viaja pelo mundo em busca de pistas para desvendar o mistério do motivo pelo qual Ludwig van Beethoven compôs 33 variações para a valsa criada por um então obscuro compositor, Anton Diabelli.

Daqui e de lá
O Sesc Pinheiros pede para a coluna avisar que em setembro terá em cartaz duas peças de teatro: uma nacional e uma internacional. No Auditório, sobem ao palco os atores Bianca Ramoneda e Gabriel Braga Nunes, com a peça “Inutilezas”, baseada na obra do poeta Manoel de Barros. Já no Teatro Paulo Autran, será encenada “Que Haré Yo Con Esta Espada? (Aproximación A La Ley Y Al Problema de La Belleza)”, da espanhola Angélica Liddell. Este último faz parte do projeto Extensão Mirada, que promove a circulação de peças que participam da quarta edição do MIRADA – Festival Ibero-Americano de Artes Cênicas de Santos, que será realizado entre 8 e 18 de setembro.

Nódicos
A peça “Escandinavos” estreia dia 31 de agosto na Sala Experimental do Teatro Augusta, em São Paulo, com Andrea Tedesco sob direção de Nicole Aun. Ah, o texto é de Denio Maués. Estão todos convidados.

Humor tradicional: Ary Toledo faz temporada no Teatro APCD, em Santana. SP - Foto: Divulgação

Humor tradicional: Ary Toledo faz temporada no Teatro APCD, em Santana. SP – Foto: Divulgação

Rir é o melhor remédio
O humor fez a cabeça da curadoria do Teatro APCD neste mês de setembro. Entre 3 e 25 de setembro, aos sábados, 21h, e domingos, 19h, quem se apresenta por lá é Ary Toledo, com seu show “Novos Causos”. Também estão na programação do mês a peça “Avós do Brasil” do Café com Bobagem (dia 16, às 15h) e “Stand-up do Mallandro”, com Sérgio Mallandro (dia 30, Às 21h30). O povo vai se divertir.

Sessão portuguesa
O Consulado Geral de Portugal em São Paulo lança no dia 31 a sessão “Cine Lusco Fusco”. Sempre na última terça-feira do mês, às 19h, vai exibir um filme português com entrada gratuita. A abertura é com “Aquele Querido Mês de Agosto”, do diretor português Miguel Gomes. Ganhou o Globo de Ouro português em 2009.

Ivo Müller: dois curtas no Kinoforum em SP - Foto: Divulgação

Ivo Müller: dois curtas no Kinoforum em SP – Foto: Divulgação

Cinema em dose dupla
O ator Ivo Müller protagoniza dois filmes no 27º Festival Internacional de Curtas Metragens de São Paulo: “Pássaros na Boca”, em 27 de agosto, e “Sugira Uma Alternativa Razoável”, nos dias 29 de agosto e 01 de setembro.  Os curtas serão apresentados no MIS (Museu da Imagem e do Som) e no Espaço Itaú de Cinema Augusta, e trazem à tona questões pertinentes aos relacionamentos nos tempos contemporâneos.

Pequeninos
O infantil “Livro de Ouro” já marcou sua data de estreia no Teatro João Caetano, em São Paulo. Será no dia 3 de setembro. O texto é de Geraldo Rodrigues e Luciana Espósito. No elenco estão Daphne Bozaski, Daniel Costa, Luciana Espósito e Gutto Szuster. As crianças vão gostar.

Leonardo Fernandes em "Cachorro Enterrado Vivo" - Foto: Suzana Latini/Divulgação

Leonardo Fernandes em “Cachorro Enterrado Vivo” – Foto: Suzana Latini/Divulgação

Mineiro
Vindo de Belo Horizonte, o ator Leonardo Fernandes cumpre temporada na SP Escola de Teatro, em São Paulo, com a peça “Cachorro Enterrado Vivo”, de Daniela Pereira de Carvavalho. A temporada vai até 26 de setembro, tá?

Fim de festa
A peça “Paixoei ou Diários da Floresta” termina sua temporada no próximo dia 31 de agosto. As últimas sessões ocorrem nas próximas quarta e quinta, 21h, no Teatro Commune, em São Paulo, com texto e direção de Reinaldo Santiago a partir da obra da antropóloga Betty Mindlin, que viveu com índios em Rondônia. A peça desvenda este povo quase desconhecido. E ignorado.

Vem aí
O diretor Sérgio Ferrara estreia no próximo dia 30 de agosto a peça “Diálogos de Salomé com João Batista”, no porão do Teatro Sérgio Cardoso, em São Paulo. No elenco estão Fransérgio Araújo, Camila dos Anjos, Gustavo Haddad, Tony Lee, Pablo Ginevro e Ruben Espinoza. Revisitação bíblica.

Tacy de Campos vive Cássia Eller em musical que volta a SP - Foto: Marcos Hermes/Divulgação

Tacy de Campos vive Cássia Eller em musical que volta a SP – Foto: Marcos Hermes/Divulgação

Quem sabe ainda sou uma garotinha…
Após rodar o Brasil, o espetáculo “Cássia Eller – O Musical” volta a São Paulo entre 1º e 25 de setembro, de quinta a domingo, no Teatro Shopping Frei Caneca. No repertório, 38 músicas da roqueira que tanto faz falta e interpretada por Tacy de Campos. Cheia de malandragem, é claro.

Fúria de titãs
O Balé da Cidade de São Paulo marcou para 10 de setembro a estreia de sua nova montagem: “Titã”, dirigido pelo italiano Stefano Poda. Os bailarinos serão acompanhados pela Orquestra Sinfônica Municipal de São Paulo, sob regência do maestro residente Eduardo Strausser. O estilista João Pimenta assina os figurinos. Sabia que ele já foi ator?

Livros e livros
O projeto “Sempre um Papo”, do mineiro Afonso Borges, ganha homenagem pelos seus 30 anos na 24ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo, no Pavilhão Anhembi. No dia 3 de setembro, às 14h, Borges lança o livro infantil “O Menino, o Assovio e a Encruzilhada”, pela Sesi-SP Editora. No mesmo dia, às 20h, media edição especial do “Sempre um Papo” com Ruy Castro e Heloisa Seixas. Coisa boa.

"Noturno" terá temporada comemorativa no Teatro Augusta - Foto: Divulgação

“Noturno” terá temporada comemorativa no Teatro Augusta – Foto: Divulgação

Boda de prata
“Nuturno” completa 25 anos. Para celebrar a data de seu mais famoso musical, a Oficina dos Menestréis volta ao palco onde ele estreou em 1991: o Teatro Augusta. O texto é de Oswaldo Montenegro, com direção de seu irmão, Deto Montenegro. A temporada comemorativa vai de 5 de setembro a 28 de novembro, toda segunda, 21h. “Noturno”, que revela de forma poética a noite paulistana, já foi visto por mais de 100 mil pessoas em cerca de 400 apresentações. Sucesso.

Carne nova
A turma 65 da EAD faz as últimas apresentações da abertura de processo “A Inconstância da Vontade” neste fim de semana, no Teatro Laboratório do campus Butantã da USP, em São Paulo.

Alessandro Marba e Breno da Matta estão em peça inspirada em autobiografia de um escravo - Foto: Felipe Stucchi/Divulgação

Alessandro Marba e Breno da Matta estão em peça inspirada em autobiografia de um escravo – Foto: Felipe Stucchi/Divulgação

Escritos raros
Após 162 anos da publicação da única autobiografia conhecida de um africano escravizado em terras brasileiras, a peça “BAQUAQUA – Documento Dramático Extraordinário” coloca em cena o personagem para contar a sua história, que ecoa até os dias atuais. A montagem estreia dia 2 de setembro, na sede da Cia do Pássaro. A temporada vai até 30 de setembro (sextas às 14h, sábados às 21h e domingos às 19h) com ingressos a R$10 inteira e R$5 meia. Dione Carlos, querida da coluna, e Dawton Abranches assinam a dramaturgia. Estão em cena Alessandro Marba e Breno da Matta.

Atriz Julia Bobrow faz campanha para salvar duas elefantas - Foto: Divulgação

Atriz Julia Bobrow faz campanha para salvar duas elefantas – Foto: Divulgação

Salvem as elefantas
A atriz Julia Bobrow, ferrenha defensora dos animais, é uma das madrinhas de uma campanha que busca recursos para levar duas elefantas que eram maltratadas em circo de Paraguaçu, no Sul de Minas, para o primeiro refúgio de elefantes do Brasil, o Santuário Elefantes Brasil, na Chapada dos Guimarães, no Mato Grosso. Yasmin Brunet e Thayla Ayala também ajudam a angariar fundos. Para ajudar clique aqui. Ah, as elefantas se chamam Maia e Guida. Que graça.

Bituca & Pampulha
O musical “Milton Nascimento – Nada Será como Antes” será apresentado de graça em frente a Igreja de São Francisco de Assis, na orla da Lagoa da Pampulha, em Belo Horizonte, no dia 3 de setembro, sábado, 19h. No repertório, sucessos do líder do Clube da Esquina.

Guerreiros
Os atores do Satyros Teen foram à Assembleia de São Paulo protestar contra o projeto “Escola sem Partido”. Fizeram muito bem.

Davi Guimarães, Dalma Régia e Klaviany Costa em "Um Lugar ao Sol" - Foto: Leo Papel/Divulgação

Davi Guimarães, Dalma Régia e Klaviany Costa em “Um Lugar ao Sol” – Foto: Leo Papel/Divulgação

Coisa nossa
“Um Lugar ao Sol”, peça da Companhia de Teatro Heliópolis, volta ao cartaz no dia 3 de setembro na Casa de Teatro Maria José de Carvalho (r. Silva Bueno, 1533, Ipiranga), em São Paulo. A encenação de Miguel Rocha para o texto de Willian Costa Lima foi inspirada nos moradores da comunidade onde fica a trupe. A temporada vai até 25 de setembro, sábado, 20h, domingo, 19h. O ingresso é pague quanto puder.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *