Dois ou Um com Martha Nowill

Martha Nowill está em cartaz no Teatro Sérgio Cardoso – Foto: Gustavo Arrais

Por MIGUEL ARCANJO PRADO

Martha Nowill é cineasta, produtora, roteirista e, claro, atriz. Ela está no elenco da peça Flutuante, texto inédito de Caco Galhardo escrito especialmente para ela e sob direção de Mauro Baptista Vedia. A obra está em cartaz no Teatro Sérgio Cardoso, em São Paulo, sextas, sábados e domingos, sempre às 20h, até 30 de abril com ingresso a R$ 40. Ela contracena com Rafael Losso e Paulo Tiefenthaler na comédia dramática sobre uma professora de alemão que, sem motivo aparente, não consegue mais sair de casa para trabalhar. Martha aceitou o convite para participar da coluna Dois ou Um. Dez perguntas cheias de possibilidades. Ou não.

Cinema ou teatro?
Os dois, alternadamente e ao mesmo tempo.

Atuar ou escrever?
Escrever para atuar.

Documentário ou ficção?
Tô adorando a palavra HÍBRIDO, muito boa para esse tipo de saia justa.

Dia ou noite?
Dia. E depois a noite.

“Romeu e Julieta” no teatro ou no cinema?
No livro.

Lars von Trier ou Woody Allen?
Woody Allen, sempre, incondicionalmente.

Agir ou reagir?
Ação.

São Paulo ou Rio de Janeiro?
São Paulo, éssepê, S.P.

Nova ou Paris?
Paris.

“Há algo de podre no reino da Dinamarca” ou “Dormir, dormir…talvez sonhar”?
“Há algo de podre no reino da Dinamarca”, mas temos que “dormir, dormir…talvez sonhar”!

Siga Miguel Arcanjo Prado no Facebook, no Twitter e no Instagram.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *